Papo de Buteco

Papo de buteco: você defende o Linux?

Hello folks.

Hoje, ao invés de uma notícia ou tutorial, estou propondo um papo, uma discussão. Algo para refletirmos sobre o caminho do nosso estimado pinguim. A pergunta que moverá essa discussão é: você defende o Linux?

Quantas vezes  vocês se colocaram como defensores do nosso querido sistema operacional? Me peguei fazendo isso nesse final de semana, papo de boteco entre desenvolvedores, gamers e usuários comuns. Durante 4 horas de papo regrado a chopp e calabresa, me vi no meio de ataques de usuários de Windows e Mac, e devo dizer, o pinguim se defendeu muito bem.

Usei de forma explicativa o motivo de Linus Torvalds escolher o pinguim como símbolo e alguns números de 2011 na argumentação, números que vocês podem conferir na imagem abaixo:

Papo de buteco: você defende o Linux?

Dados da Linux Foundation que mostram o crescimento do Linux em 2011 (clique para ampliar)

 

A ideia não é trabalhar o conhecimento para usar isso em  discussão, mas sim mostrar que o Linux é um sistema em total crescimento e que domina o seu objetivo. Minhas defesas em relação ao sistema são utilizadas quando escuto aqueles “argumentos” onde o acusador utiliza de sua falta de conhecimento para sustentar argumentos contrários ao Linux, daqueles do tipo: “Mas meu joguinho preferido que eu pirateei na web não roda no seu sistema”.

Trabalhando com a ideia apenas de objetividade, nosso pinguim acaba com os concorrentes. Agora eu quero saber de vocês: vocês costumam defender o Linux? E como fazem isso?

A ideia não é incentivar a discussão do melhor, mas sim criar uma animada discussão sobre como o nosso pinguim incomoda os sistemas operacionais concorrentes com suas pequenas, mas poderosas mordidas.

Assine nossa newsletter!

Quer receber as novidades mais recentes do Ubuntu na sua caixa de entrada? Informe seu e-mail e clique em Assinar.

  • Assine o feed RSS
  • Siga o Ubuntu-BR-SC no Twitter
  • Curta o Ubuntu-BR-SC no Facebook
  • Ubuntu-BR-SC no Google+
  • Canal do Ubuntu-BR-SC no YouTube


  • brunocabral

    Já fiz muito… hoje deixo a coisa rolar.

  • Bruno Cabral Peixoto

    Já fiz muito… hoje deixo a coisa rolar.

  • Bruno Cabral Peixoto

    Já fiz muito… hoje deixo a coisa rolar.

  • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

    Defendo bastante e aproveito e defendo que não precisa piratear pra jogar, se a ideia é só jogar bons jogos faço a propaganda do Humble Bundle que agente paga o quanto quer por bons jogos. Muitos ja ficam curiosos assim. Mesmo quando não querem experimentar o pinguim falo também que compro vários jogos em promoção na nuuvem, steam e indie royale e que os jogo no wine sem muitos problemas! XD

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Boa Marcos, esse é um ponto de vista supimposo. O Humble Bundle também para Linux foi genial, e vc notou quem mais doava valores altos? #UsuariosLinux

      • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

        sempre seremos os campeões nisso, ja que nos sobra grana para doar kkkkk!! Normalmente quando a promoção faz muito suscesso, quando vende muito a porcentagem de compradores que são usuário linux chega a uns 25%. O que coloca um poco em cheque q a quantidade de usários linux não é tão baixa quanto pessavam! XD

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      lógico que defendo principalmente tirando os mitos e me oferecendo a ajudar, ja convenci muitos amigos q não quiseram sair mais do pinguim, defendo principalmente contra a pirataria

  • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

    Defendo bastante e aproveito e defendo que não precisa piratear pra jogar, se a ideia é só jogar bons jogos faço a propaganda do Humble Bundle que agente paga o quanto quer por bons jogos. Muitos ja ficam curiosos assim. Mesmo quando não querem experimentar o pinguim falo também que compro vários jogos em promoção na nuuvem, steam e indie royale e que os jogo no wine sem muitos problemas! XD

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Boa Marcos, esse é um ponto de vista supimposo. O Humble Bundle também para Linux foi genial, e vc notou quem mais doava valores altos? #UsuariosLinux

      • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

        sempre seremos os campeões nisso, ja que nos sobra grana para doar kkkkk!! Normalmente quando a promoção faz muito suscesso, quando vende muito a porcentagem de compradores que são usuário linux chega a uns 25%. O que coloca um poco em cheque q a quantidade de usários linux não é tão baixa quanto pessavam! XD

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      lógico que defendo principalmente tirando os mitos e me oferecendo a ajudar, ja convenci muitos amigos q não quiseram sair mais do pinguim, defendo principalmente contra a pirataria

  • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

    Defendo bastante e aproveito e defendo que não precisa piratear pra jogar, se a ideia é só jogar bons jogos faço a propaganda do Humble Bundle que agente paga o quanto quer por bons jogos. Muitos ja ficam curiosos assim. Mesmo quando não querem experimentar o pinguim falo também que compro vários jogos em promoção na nuuvem, steam e indie royale e que os jogo no wine sem muitos problemas! XD

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Boa Marcos, esse é um ponto de vista supimposo. O Humble Bundle também para Linux foi genial, e vc notou quem mais doava valores altos? #UsuariosLinux

      • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

        sempre seremos os campeões nisso, ja que nos sobra grana para doar kkkkk!! Normalmente quando a promoção faz muito suscesso, quando vende muito a porcentagem de compradores que são usuário linux chega a uns 25%. O que coloca um poco em cheque q a quantidade de usários linux não é tão baixa quanto pessavam! XD

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      lógico que defendo principalmente tirando os mitos e me oferecendo a ajudar, ja convenci muitos amigos q não quiseram sair mais do pinguim, defendo principalmente contra a pirataria

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=748627858 Jorge Eduardo

    Sempre defendo o Software Livre, com todos os dados que possuo.
    Convido os companheiros leitores e autores do blog a participarem do grupo que criei no facebook Software Livre Brasil https://www.facebook.com/groups/237313186373987/
    Que o GNU esteja com vocês!

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Começando: vou postar aqui o trecho inicial de uma matéria que estou elaborando para ser publicada por diversos meios de comunicação.

    Desde a posse administrativa do PT no governo federal e sua escolha pelo Software Livre na administração pública, diversas entidades, empresas fabricantes e revendedores de licenças do modelo proprietário começaram uma série de ataques a escolha do governo.
    Ouve uma série de discussões, muitas delas bem ridículas, pois quem defendia o lado livre, eram aqueles apaixonados pela filosofia libertária pregada por Richard Stallman e na maioria das vezes, limitava-se a dizer que o concorrente proprietário era coisa do
    diabo, apelavam para ideologia, e alguns outros pontos que não ajudavam nenhum pouco a justificar o porque um modelo seria melhor ou mais vantajoso.
    Do lado proprietário a situação não era diferente: chamar o concorrente de comunista, dizer que estamos dando dinheiro para os gringos ao invés de investir em soluções brasileiras (como se os produtos deles fossem multiplataforma e não obrigassem o governo a comprar licença do SO e BD americano) e que estão dando mais atenção para idealismo e não para qualidade (como se o concorrente do Linux não fosse famoso por travamentos, infecções de vírus, trojans, spyware, etc…). Resultado: 10 anos depois o lado proprietário continua implorando pelas migalhas do governo e
    tentando manter vivos diversos FUDs da época em que o Software Livre estava começando a ganhar projeção, mas foram comprovadamente desmentidos.

    Aproximamo-nos de mais uma eleição e novamente, ambos os lados estão preocupados em saber como os candidatos se posicionarão. Uma década depois,
    algum dos, ou ambos os lados aprenderam com seus erros e melhoraram sua forma de comunicação?

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Interessante seu comentário Daigo Asuka, acho que e ponto de vista politico nessa situação é totalmente irrelevante, ainda mais que quando discuto OS, discuto em questão de qualidade e não de ideais bem trabalhados. Acho bem triste e incoerente essa visão social politica comunista através do software livre, sei que ela existe mas não trabalho com ela, fico no aguardo da sua matéria gigante. =)

      • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

        Lei com atenção antes de escrever. Quem taxa o software livre de comunista são representantes do lado proprietário.
        Pela sua critica a meu comentário, tudo o q fez foi ler um trecho e responder o q achou d 1 única parte. Se leu tudo, o fez correndo, sem realmente compreender.

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Daigo a critica foi a visão comunista e não seu comentário. E essa visão do software livre como algo “comunista” não é apenas visto dessa maneira pelo lado proprietário, tenho vários amigos desenvolvedores que apostam nesse ideal.

          • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

            Esclarecido! Bem, voltemos ao q interessa então: Acompanho alguns comentários de entidades de Software Proprietário, verdadeiro exemplo de indivíduos q acham q passar anos alimentando FUDs pode faze-los tornarem-se realidade.

          • Antonio Martins

            Comunista…rs.a guerra fria acabou com a queda do muro. Este tipo de rótulo é tipico de revista veja e seus leitores incautos

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Gostaria apenas de salientar que, porque tenho um visão contraria a colocada em comentário não significa que li correndo ou não compreendi, e falei no meu reply sobre a visão do software e não a sua visão, e realmente estou aguardando a sua matéria, acho esse assunto deveras interessante. =D

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=748627858 Jorge Eduardo

    Sempre defendo o Software Livre, com todos os dados que possuo.
    Convido os companheiros leitores e autores do blog a participarem do grupo que criei no facebook Software Livre Brasil https://www.facebook.com/groups/237313186373987/
    Que o GNU esteja com vocês!

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Começando: vou postar aqui o trecho inicial de uma matéria que estou elaborando para ser publicada por diversos meios de comunicação.

    Desde a posse administrativa do PT no governo federal e sua escolha pelo Software Livre na administração pública, diversas entidades, empresas fabricantes e revendedores de licenças do modelo proprietário começaram uma série de ataques a escolha do governo.
    Ouve uma série de discussões, muitas delas bem ridículas, pois quem defendia o lado livre, eram aqueles apaixonados pela filosofia libertária pregada por Richard Stallman e na maioria das vezes, limitava-se a dizer que o concorrente proprietário era coisa do
    diabo, apelavam para ideologia, e alguns outros pontos que não ajudavam nenhum pouco a justificar o porque um modelo seria melhor ou mais vantajoso.
    Do lado proprietário a situação não era diferente: chamar o concorrente de comunista, dizer que estamos dando dinheiro para os gringos ao invés de investir em soluções brasileiras (como se os produtos deles fossem multiplataforma e não obrigassem o governo a comprar licença do SO e BD americano) e que estão dando mais atenção para idealismo e não para qualidade (como se o concorrente do Linux não fosse famoso por travamentos, infecções de vírus, trojans, spyware, etc…). Resultado: 10 anos depois o lado proprietário continua implorando pelas migalhas do governo e
    tentando manter vivos diversos FUDs da época em que o Software Livre estava começando a ganhar projeção, mas foram comprovadamente desmentidos.

    Aproximamo-nos de mais uma eleição e novamente, ambos os lados estão preocupados em saber como os candidatos se posicionarão. Uma década depois,
    algum dos, ou ambos os lados aprenderam com seus erros e melhoraram sua forma de comunicação?

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Interessante seu comentário Daigo Asuka, acho que e ponto de vista politico nessa situação é totalmente irrelevante, ainda mais que quando discuto OS, discuto em questão de qualidade e não de ideais bem trabalhados. Acho bem triste e incoerente essa visão social politica comunista através do software livre, sei que ela existe mas não trabalho com ela, fico no aguardo da sua matéria gigante. =)

      • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

        Lei com atenção antes de escrever. Quem taxa o software livre de comunista são representantes do lado proprietário.
        Pela sua critica a meu comentário, tudo o q fez foi ler um trecho e responder o q achou d 1 única parte. Se leu tudo, o fez correndo, sem realmente compreender.

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Daigo a critica foi a visão comunista e não seu comentário. E essa visão do software livre como algo “comunista” não é apenas visto dessa maneira pelo lado proprietário, tenho vários amigos desenvolvedores que apostam nesse ideal.

          • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

            Esclarecido! Bem, voltemos ao q interessa então: Acompanho alguns comentários de entidades de Software Proprietário, verdadeiro exemplo de indivíduos q acham q passar anos alimentando FUDs pode faze-los tornarem-se realidade.

          • Antonio Martins

            Comunista…rs.a guerra fria acabou com a queda do muro. Este tipo de rótulo é tipico de revista veja e seus leitores incautos

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Gostaria apenas de salientar que, porque tenho um visão contraria a colocada em comentário não significa que li correndo ou não compreendi, e falei no meu reply sobre a visão do software e não a sua visão, e realmente estou aguardando a sua matéria, acho esse assunto deveras interessante. =D

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=748627858 Jorge Eduardo

    Sempre defendo o Software Livre, com todos os dados que possuo.
    Convido os companheiros leitores e autores do blog a participarem do grupo que criei no facebook Software Livre Brasil https://www.facebook.com/groups/237313186373987/
    Que o GNU esteja com vocês!

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Começando: vou postar aqui o trecho inicial de uma matéria que estou elaborando para ser publicada por diversos meios de comunicação.

    Desde a posse administrativa do PT no governo federal e sua escolha pelo Software Livre na administração pública, diversas entidades, empresas fabricantes e revendedores de licenças do modelo proprietário começaram uma série de ataques a escolha do governo.
    Ouve uma série de discussões, muitas delas bem ridículas, pois quem defendia o lado livre, eram aqueles apaixonados pela filosofia libertária pregada por Richard Stallman e na maioria das vezes, limitava-se a dizer que o concorrente proprietário era coisa do
    diabo, apelavam para ideologia, e alguns outros pontos que não ajudavam nenhum pouco a justificar o porque um modelo seria melhor ou mais vantajoso.
    Do lado proprietário a situação não era diferente: chamar o concorrente de comunista, dizer que estamos dando dinheiro para os gringos ao invés de investir em soluções brasileiras (como se os produtos deles fossem multiplataforma e não obrigassem o governo a comprar licença do SO e BD americano) e que estão dando mais atenção para idealismo e não para qualidade (como se o concorrente do Linux não fosse famoso por travamentos, infecções de vírus, trojans, spyware, etc…). Resultado: 10 anos depois o lado proprietário continua implorando pelas migalhas do governo e
    tentando manter vivos diversos FUDs da época em que o Software Livre estava começando a ganhar projeção, mas foram comprovadamente desmentidos.

    Aproximamo-nos de mais uma eleição e novamente, ambos os lados estão preocupados em saber como os candidatos se posicionarão. Uma década depois,
    algum dos, ou ambos os lados aprenderam com seus erros e melhoraram sua forma de comunicação?

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Interessante seu comentário Daigo Asuka, acho que e ponto de vista politico nessa situação é totalmente irrelevante, ainda mais que quando discuto OS, discuto em questão de qualidade e não de ideais bem trabalhados. Acho bem triste e incoerente essa visão social politica comunista através do software livre, sei que ela existe mas não trabalho com ela, fico no aguardo da sua matéria gigante. =)

      • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

        Lei com atenção antes de escrever. Quem taxa o software livre de comunista são representantes do lado proprietário.
        Pela sua critica a meu comentário, tudo o q fez foi ler um trecho e responder o q achou d 1 única parte. Se leu tudo, o fez correndo, sem realmente compreender.

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Daigo a critica foi a visão comunista e não seu comentário. E essa visão do software livre como algo “comunista” não é apenas visto dessa maneira pelo lado proprietário, tenho vários amigos desenvolvedores que apostam nesse ideal.

          • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

            Esclarecido! Bem, voltemos ao q interessa então: Acompanho alguns comentários de entidades de Software Proprietário, verdadeiro exemplo de indivíduos q acham q passar anos alimentando FUDs pode faze-los tornarem-se realidade.

          • Antonio Martins

            Comunista…rs.a guerra fria acabou com a queda do muro. Este tipo de rótulo é tipico de revista veja e seus leitores incautos

        • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

          Gostaria apenas de salientar que, porque tenho um visão contraria a colocada em comentário não significa que li correndo ou não compreendi, e falei no meu reply sobre a visão do software e não a sua visão, e realmente estou aguardando a sua matéria, acho esse assunto deveras interessante. =D

  • http://twitter.com/likamorim Lívia Amorim

    Não sou do tipo que defende até a morte. Sou do tipo que compreende as necessidades de cada usuário e oferece a cada um uma solução diferente.
    Por exemplo, eu sou desenvolvedora, não jogo no meu notebook e não meto a mão em softwares da Adobe. Ótimo, uso Linux porque é perfeito para mim.
    Agora, se eu fosse uma designer amante do pacote Adobe (acredite, até os colaboradores do Inkscape me dão razão), com certeza usaria algum SO pro meu Mac ma-ra-ve-lhó-so.
    Se eu for uma gamer hardcore amante de FPS, MMO e seja lá o que for, com certeza vou usar Windows (não que eu não seja, mas consoles existem pra isso e meu Dell não roda nada além de Tetris).

    Não sou defensora de Linux, mas, sim, do software livre. E, falando em liberdade, cada um tem a liberdade de usar o que preferir e for mais adequado para si.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      @twitter-345177196:disqus Com Chopp e calabresa qualquer discussão acaba em morte. ^^
      Acho interessante trabalhar na ideia de usuário, mas as defesas são normalmente para argumentos sem sentido, ou inexistentes. Cada OS tem seus méritos e objetivos, mas em uma visão geral podemos analisar o crescimento do nosso pinguim.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Não, claro que os gamers hardcore, não tem como e se não conseguir se acostumar com inckscape, chara exterme (software de imagem vetorial que era propietário e agora é aberto e gratis apenas no linux, cheio de recursos como o corel e ilustrator), Gimp, etc… não tem como (apesar que conheci algumas pessoas que conseguiram se adaptar e só usa os softwares livre de edição), fiquem em outro sistemas ou pelo menos na maquina virtual.

      Mas eu defendo a não pirataria, procurar a utilizar software livre ao invés de piratear, a maioria das situações que conheci os software livres seriam suficiente. Mesmo que use outro sistema defendo que procure software live no lugar da pirataria.

    • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

      Falou tudo e mais um pouco. E o mais importante no final é usar o sistema operacional que te deixa mais a vontade para trabalhar ou mesmo se divertir.

  • http://twitter.com/likamorim Lívia Amorim

    Não sou do tipo que defende até a morte. Sou do tipo que compreende as necessidades de cada usuário e oferece a cada um uma solução diferente.
    Por exemplo, eu sou desenvolvedora, não jogo no meu notebook e não meto a mão em softwares da Adobe. Ótimo, uso Linux porque é perfeito para mim.
    Agora, se eu fosse uma designer amante do pacote Adobe (acredite, até os colaboradores do Inkscape me dão razão), com certeza usaria algum SO pro meu Mac ma-ra-ve-lhó-so.
    Se eu for uma gamer hardcore amante de FPS, MMO e seja lá o que for, com certeza vou usar Windows (não que eu não seja, mas consoles existem pra isso e meu Dell não roda nada além de Tetris).

    Não sou defensora de Linux, mas, sim, do software livre. E, falando em liberdade, cada um tem a liberdade de usar o que preferir e for mais adequado para si.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      @twitter-345177196:disqus Com Chopp e calabresa qualquer discussão acaba em morte. ^^
      Acho interessante trabalhar na ideia de usuário, mas as defesas são normalmente para argumentos sem sentido, ou inexistentes. Cada OS tem seus méritos e objetivos, mas em uma visão geral podemos analisar o crescimento do nosso pinguim.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Não, claro que os gamers hardcore, não tem como e se não conseguir se acostumar com inckscape, chara exterme (software de imagem vetorial que era propietário e agora é aberto e gratis apenas no linux, cheio de recursos como o corel e ilustrator), Gimp, etc… não tem como (apesar que conheci algumas pessoas que conseguiram se adaptar e só usa os softwares livre de edição), fiquem em outro sistemas ou pelo menos na maquina virtual.

      Mas eu defendo a não pirataria, procurar a utilizar software livre ao invés de piratear, a maioria das situações que conheci os software livres seriam suficiente. Mesmo que use outro sistema defendo que procure software live no lugar da pirataria.

    • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

      Falou tudo e mais um pouco. E o mais importante no final é usar o sistema operacional que te deixa mais a vontade para trabalhar ou mesmo se divertir.

  • http://twitter.com/likamorim Lívia Amorim

    Não sou do tipo que defende até a morte. Sou do tipo que compreende as necessidades de cada usuário e oferece a cada um uma solução diferente.
    Por exemplo, eu sou desenvolvedora, não jogo no meu notebook e não meto a mão em softwares da Adobe. Ótimo, uso Linux porque é perfeito para mim.
    Agora, se eu fosse uma designer amante do pacote Adobe (acredite, até os colaboradores do Inkscape me dão razão), com certeza usaria algum SO pro meu Mac ma-ra-ve-lhó-so.
    Se eu for uma gamer hardcore amante de FPS, MMO e seja lá o que for, com certeza vou usar Windows (não que eu não seja, mas consoles existem pra isso e meu Dell não roda nada além de Tetris).

    Não sou defensora de Linux, mas, sim, do software livre. E, falando em liberdade, cada um tem a liberdade de usar o que preferir e for mais adequado para si.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      @twitter-345177196:disqus Com Chopp e calabresa qualquer discussão acaba em morte. ^^
      Acho interessante trabalhar na ideia de usuário, mas as defesas são normalmente para argumentos sem sentido, ou inexistentes. Cada OS tem seus méritos e objetivos, mas em uma visão geral podemos analisar o crescimento do nosso pinguim.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Não, claro que os gamers hardcore, não tem como e se não conseguir se acostumar com inckscape, chara exterme (software de imagem vetorial que era propietário e agora é aberto e gratis apenas no linux, cheio de recursos como o corel e ilustrator), Gimp, etc… não tem como (apesar que conheci algumas pessoas que conseguiram se adaptar e só usa os softwares livre de edição), fiquem em outro sistemas ou pelo menos na maquina virtual.

      Mas eu defendo a não pirataria, procurar a utilizar software livre ao invés de piratear, a maioria das situações que conheci os software livres seriam suficiente. Mesmo que use outro sistema defendo que procure software live no lugar da pirataria.

    • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

      Falou tudo e mais um pouco. E o mais importante no final é usar o sistema operacional que te deixa mais a vontade para trabalhar ou mesmo se divertir.

  • João Mello

    Apaixonado por Linux há anos, tudo que faço no win faço no linux sem problemas.
    Como meu trabalho está voltado mais a web-design, projetos elétricos e 3D não vejo problema.
    Sou defensor do linux e minha família toda usa ele sem problemas e em minha empresa todos os pcs são linux. ;)

  • http://www.facebook.com/evjoaomello João Mello

    Apaixonado por Linux há anos, tudo que faço no win faço no linux sem problemas.
    Como meu trabalho está voltado mais a web-design, projetos elétricos e 3D não vejo problema.
    Sou defensor do linux e minha família toda usa ele sem problemas e em minha empresa todos os pcs são linux. ;)

  • http://www.facebook.com/evjoaomello João Mello

    Apaixonado por Linux há anos, tudo que faço no win faço no linux sem problemas.
    Como meu trabalho está voltado mais a web-design, projetos elétricos e 3D não vejo problema.
    Sou defensor do linux e minha família toda usa ele sem problemas e em minha empresa todos os pcs são linux. ;)

  • Pablo R. Dinella

    Creio que Linux não precisa ser defendido. Quem o conhece sabe seus prós e contras e pronto. :)

    • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

      E quem não conhece, como fica?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Mostre-lhes a pílula azul :)

      • Pablo R. Dinella

        Aí é outro assunto: Divulgação

  • Pablo R. Dinella

    Creio que Linux não precisa ser defendido. Quem o conhece sabe seus prós e contras e pronto. :)

    • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

      E quem não conhece, como fica?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Mostre-lhes a pílula azul :)

      • Pablo R. Dinella

        Aí é outro assunto: Divulgação

  • Pablo R. Dinella

    Creio que Linux não precisa ser defendido. Quem o conhece sabe seus prós e contras e pronto. :)

    • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

      E quem não conhece, como fica?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Mostre-lhes a pílula azul :)

      • Pablo R. Dinella

        Aí é outro assunto: Divulgação

  • Genésio

    Não defendo. Não tento converter ninguém. O Linux me basta. Se o caboclo tiver interesse em saber da minha experiência com Linux, muito bem, compartilho, mas não espero que isso faça da outra pessoa um adepto. Aceito que o outo sinta-se mais confortável com Windows, Mac ou um Amiga (o quê? não existe mais? snif snif).
    Se me atacam por usar Linux, ignoro. Sinto profunda pena de quem precisa atacar para sentir-se melhor.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Bom, existe uma linha tênue entre ataque e defesa mas compreendo seu ponto de vista. =D

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Defendo contra os grandes mitos, principalmente com os que se interessam mas ficam sem coragem.

      Não caço briga mas por exemplo, tenho um professor que sempre solta umas perolas. Como na facu os laboratórios são fedora e la os aplicativos instalados para o curso não são atualizados com uma frequencia tão grande. E quando ele da aula por exemplo de banco de dados no postgresql com a mais nova versão instalado no windows, acontece d alguma coisa fica diferente do que está acontecendo nos pcs do laboratório, ele sempre solta a perola que aquilo está acontecendo de outra forma pq ele está no Windows e nunca se lembra que ele está é com a versão mais nova.

      XD

      • Antonio

        “Não caço briga” (…) Faça como os mineiros. Só vale a pena brigar por dois motivos: barra de saia ou barra ouro :_)

  • Genésio

    Não defendo. Não tento converter ninguém. O Linux me basta. Se o caboclo tiver interesse em saber da minha experiência com Linux, muito bem, compartilho, mas não espero que isso faça da outra pessoa um adepto. Aceito que o outo sinta-se mais confortável com Windows, Mac ou um Amiga (o quê? não existe mais? snif snif).
    Se me atacam por usar Linux, ignoro. Sinto profunda pena de quem precisa atacar para sentir-se melhor.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Bom, existe uma linha tênue entre ataque e defesa mas compreendo seu ponto de vista. =D

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Defendo contra os grandes mitos, principalmente com os que se interessam mas ficam sem coragem.

      Não caço briga mas por exemplo, tenho um professor que sempre solta umas perolas. Como na facu os laboratórios são fedora e la os aplicativos instalados para o curso não são atualizados com uma frequencia tão grande. E quando ele da aula por exemplo de banco de dados no postgresql com a mais nova versão instalado no windows, acontece d alguma coisa fica diferente do que está acontecendo nos pcs do laboratório, ele sempre solta a perola que aquilo está acontecendo de outra forma pq ele está no Windows e nunca se lembra que ele está é com a versão mais nova.

      XD

      • Antonio

        “Não caço briga” (…) Faça como os mineiros. Só vale a pena brigar por dois motivos: barra de saia ou barra ouro :_)

  • Genésio

    Não defendo. Não tento converter ninguém. O Linux me basta. Se o caboclo tiver interesse em saber da minha experiência com Linux, muito bem, compartilho, mas não espero que isso faça da outra pessoa um adepto. Aceito que o outo sinta-se mais confortável com Windows, Mac ou um Amiga (o quê? não existe mais? snif snif).
    Se me atacam por usar Linux, ignoro. Sinto profunda pena de quem precisa atacar para sentir-se melhor.

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Bom, existe uma linha tênue entre ataque e defesa mas compreendo seu ponto de vista. =D

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Defendo contra os grandes mitos, principalmente com os que se interessam mas ficam sem coragem.

      Não caço briga mas por exemplo, tenho um professor que sempre solta umas perolas. Como na facu os laboratórios são fedora e la os aplicativos instalados para o curso não são atualizados com uma frequencia tão grande. E quando ele da aula por exemplo de banco de dados no postgresql com a mais nova versão instalado no windows, acontece d alguma coisa fica diferente do que está acontecendo nos pcs do laboratório, ele sempre solta a perola que aquilo está acontecendo de outra forma pq ele está no Windows e nunca se lembra que ele está é com a versão mais nova.

      XD

      • Antonio

        “Não caço briga” (…) Faça como os mineiros. Só vale a pena brigar por dois motivos: barra de saia ou barra ouro :_)

  • Hilton Neto

    Esse é um vídeo muito interessante que mostra o potencial do linux. Nesse caso, mais especificamente do Ubuntu (sem querer defender a distribuição ou dizer que é melhor que qualquer outra).

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=dDXlh5rE1Eg

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Verei o vídeo e depois mando um feedback por aqui =D

  • Hilton Neto

    Esse é um vídeo muito interessante que mostra o potencial do linux. Nesse caso, mais especificamente do Ubuntu (sem querer defender a distribuição ou dizer que é melhor que qualquer outra).

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=dDXlh5rE1Eg

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Verei o vídeo e depois mando um feedback por aqui =D

  • Hilton Neto

    Esse é um vídeo muito interessante que mostra o potencial do linux. Nesse caso, mais especificamente do Ubuntu (sem querer defender a distribuição ou dizer que é melhor que qualquer outra).

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=dDXlh5rE1Eg

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Cedrik Rocha

      Verei o vídeo e depois mando um feedback por aqui =D

  • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

    Já defendi “vestindo a camisa”, mas caí na real e vi que a funcionalidade faz a diferença, como comentado por muitos aqui.

    Hoje faço a defesa de forma despreocupada, e só quando vejo que é preciso. Não uso só Softwares Livres e sei que não dá pra viver só com isso.
    Um exemplo que uso o é sobre o MS Office. Tem Office melhor? não. Será que a Microsoft não tem o direito de cobrar pelo bom trabalho que fizeram?
    A questão é, eu uso porque quero e gosto. Não tenho vontade de impor a ninguém. Se notar que alguém possa se interessar, mostro o que entendo sobre o Linux.

    • Ronan Neto

      O que voçê quis dizer com (não dá pra viver só com isso.)?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Quis dizer que preciso de softwares proprietários no cotidiano, em coisas que o software livre não me atende. Um exemplo: MS Office.

        • http://www.facebook.com/people/Carlos-Wagner-Costa/100000641468505 Carlos Wagner Costa

          Costumo dizer que o Open Office atende a 100% dos 10% que os usuários realmente usam do Ms Office.

          Explico: O Ms Office é um ótimo programa, mas é tão grande quanto um sistema operacional e serve para muitas coisas, como gerar relatórios e textos dinâmicos, com acesso a banco de dados em tempo real, vinculação de dados externos em planilhas e geração de gráficos em alta definição que serão impressos ou mostrados em um slide eletrônico em, digamos 10 segundos?

          O Open/Libre/BrOffice.org consegue fazer muito disso tudo e consegue resolver o problema da maioria dos usuários que precisam apenas de um editor de textos com suporte a tabelas, figuras e formatação do texto. Algo mais elaborado que isso DEVE ser usado um programa de EDITORAÇÃO eletrônica, coisa que nem o MS Office e nem o BROffice são.

          • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

            Sim, concordo contigo. Porém existem algumas sacadas do MS Office que o Libre Office não tem. Um exemplo é a interface: o LibreOffice ainda é naquele estilo do Office 2003 e pra mim isso é ficar para trás. Os “ribbons” do Office 2007/2010 são um fruto de pesquisas e realmente fazem a diferença. Pra mim antes o Google Docs do que o Libre Office.

  • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

    Já defendi “vestindo a camisa”, mas caí na real e vi que a funcionalidade faz a diferença, como comentado por muitos aqui.

    Hoje faço a defesa de forma despreocupada, e só quando vejo que é preciso. Não uso só Softwares Livres e sei que não dá pra viver só com isso.
    Um exemplo que uso o é sobre o MS Office. Tem Office melhor? não. Será que a Microsoft não tem o direito de cobrar pelo bom trabalho que fizeram?
    A questão é, eu uso porque quero e gosto. Não tenho vontade de impor a ninguém. Se notar que alguém possa se interessar, mostro o que entendo sobre o Linux.

    • Ronan Neto

      O que voçê quis dizer com (não dá pra viver só com isso.)?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Quis dizer que preciso de softwares proprietários no cotidiano, em coisas que o software livre não me atende. Um exemplo: MS Office.

        • http://www.facebook.com/people/Carlos-Wagner-Costa/100000641468505 Carlos Wagner Costa

          Costumo dizer que o Open Office atende a 100% dos 10% que os usuários realmente usam do Ms Office.

          Explico: O Ms Office é um ótimo programa, mas é tão grande quanto um sistema operacional e serve para muitas coisas, como gerar relatórios e textos dinâmicos, com acesso a banco de dados em tempo real, vinculação de dados externos em planilhas e geração de gráficos em alta definição que serão impressos ou mostrados em um slide eletrônico em, digamos 10 segundos?

          O Open/Libre/BrOffice.org consegue fazer muito disso tudo e consegue resolver o problema da maioria dos usuários que precisam apenas de um editor de textos com suporte a tabelas, figuras e formatação do texto. Algo mais elaborado que isso DEVE ser usado um programa de EDITORAÇÃO eletrônica, coisa que nem o MS Office e nem o BROffice são.

          • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

            Sim, concordo contigo. Porém existem algumas sacadas do MS Office que o Libre Office não tem. Um exemplo é a interface: o LibreOffice ainda é naquele estilo do Office 2003 e pra mim isso é ficar para trás. Os “ribbons” do Office 2007/2010 são um fruto de pesquisas e realmente fazem a diferença. Pra mim antes o Google Docs do que o Libre Office.

  • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

    Já defendi “vestindo a camisa”, mas caí na real e vi que a funcionalidade faz a diferença, como comentado por muitos aqui.

    Hoje faço a defesa de forma despreocupada, e só quando vejo que é preciso. Não uso só Softwares Livres e sei que não dá pra viver só com isso.
    Um exemplo que uso o é sobre o MS Office. Tem Office melhor? não. Será que a Microsoft não tem o direito de cobrar pelo bom trabalho que fizeram?
    A questão é, eu uso porque quero e gosto. Não tenho vontade de impor a ninguém. Se notar que alguém possa se interessar, mostro o que entendo sobre o Linux.

    • Ronan Neto

      O que voçê quis dizer com (não dá pra viver só com isso.)?

      • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

        Quis dizer que preciso de softwares proprietários no cotidiano, em coisas que o software livre não me atende. Um exemplo: MS Office.

        • http://www.facebook.com/people/Carlos-Wagner-Costa/100000641468505 Carlos Wagner Costa

          Costumo dizer que o Open Office atende a 100% dos 10% que os usuários realmente usam do Ms Office.

          Explico: O Ms Office é um ótimo programa, mas é tão grande quanto um sistema operacional e serve para muitas coisas, como gerar relatórios e textos dinâmicos, com acesso a banco de dados em tempo real, vinculação de dados externos em planilhas e geração de gráficos em alta definição que serão impressos ou mostrados em um slide eletrônico em, digamos 10 segundos?

          O Open/Libre/BrOffice.org consegue fazer muito disso tudo e consegue resolver o problema da maioria dos usuários que precisam apenas de um editor de textos com suporte a tabelas, figuras e formatação do texto. Algo mais elaborado que isso DEVE ser usado um programa de EDITORAÇÃO eletrônica, coisa que nem o MS Office e nem o BROffice são.

          • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

            Sim, concordo contigo. Porém existem algumas sacadas do MS Office que o Libre Office não tem. Um exemplo é a interface: o LibreOffice ainda é naquele estilo do Office 2003 e pra mim isso é ficar para trás. Os “ribbons” do Office 2007/2010 são um fruto de pesquisas e realmente fazem a diferença. Pra mim antes o Google Docs do que o Libre Office.

  • Antonio Martins

    Desde que a discussão não verse sobre a instalação do maldito modem 3G Huawei E220, da TIM, defendo sempre.
    Me explico: peguei um notbook Sansung, RV419, instalado com R…windows 7, e tasquei o ubuntu 12.04 nele. Animado, espetei o tal do modem e a máquina não reconheceu-o. Fui naqueles malditos tutoriais,com comandos tipo controlCcontrolv no terminal e nada…..Fuça daqui, fuça dalí e lá se foi a noite inteira. Bufando de raiva,fui dormir com minha frustração. No outro dia, liguei para um amigo, gerente de TI, inclusive com uma pós em sistemas derivados do UNIX….e o diagnóstico desalentador: nada de errado, apenas o modem da tim não era reconhecido,haja vista os testes bem sucedidos feitos por ele com um da Vivo e outro da Claro.Mas,inconformado, fui a um vizinho que tem o janela, espetei o dito cujo na usb e…..MACACOS ME MORDAM:o bicho foi reconhecido e logo logo já estava navegando.
    Mas isso, é que me estimula a permanecer no linux e a boicotar empresas de TI monopolistas, a exemplo do que faz a inominável mundo afora

    Abraços…..

  • Antonio Martins

    Desde que a discussão não verse sobre a instalação do maldito modem 3G Huawei E220, da TIM, defendo sempre.
    Me explico: peguei um notbook Sansung, RV419, instalado com R…windows 7, e tasquei o ubuntu 12.04 nele. Animado, espetei o tal do modem e a máquina não reconheceu-o. Fui naqueles malditos tutoriais,com comandos tipo controlCcontrolv no terminal e nada…..Fuça daqui, fuça dalí e lá se foi a noite inteira. Bufando de raiva,fui dormir com minha frustração. No outro dia, liguei para um amigo, gerente de TI, inclusive com uma pós em sistemas derivados do UNIX….e o diagnóstico desalentador: nada de errado, apenas o modem da tim não era reconhecido,haja vista os testes bem sucedidos feitos por ele com um da Vivo e outro da Claro.Mas,inconformado, fui a um vizinho que tem o janela, espetei o dito cujo na usb e…..MACACOS ME MORDAM:o bicho foi reconhecido e logo logo já estava navegando.
    Mas isso, é que me estimula a permanecer no linux e a boicotar empresas de TI monopolistas, a exemplo do que faz a inominável mundo afora

    Abraços…..

  • Antonio Martins

    Desde que a discussão não verse sobre a instalação do maldito modem 3G Huawei E220, da TIM, defendo sempre.
    Me explico: peguei um notbook Sansung, RV419, instalado com R…windows 7, e tasquei o ubuntu 12.04 nele. Animado, espetei o tal do modem e a máquina não reconheceu-o. Fui naqueles malditos tutoriais,com comandos tipo controlCcontrolv no terminal e nada…..Fuça daqui, fuça dalí e lá se foi a noite inteira. Bufando de raiva,fui dormir com minha frustração. No outro dia, liguei para um amigo, gerente de TI, inclusive com uma pós em sistemas derivados do UNIX….e o diagnóstico desalentador: nada de errado, apenas o modem da tim não era reconhecido,haja vista os testes bem sucedidos feitos por ele com um da Vivo e outro da Claro.Mas,inconformado, fui a um vizinho que tem o janela, espetei o dito cujo na usb e…..MACACOS ME MORDAM:o bicho foi reconhecido e logo logo já estava navegando.
    Mas isso, é que me estimula a permanecer no linux e a boicotar empresas de TI monopolistas, a exemplo do que faz a inominável mundo afora

    Abraços…..

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100001247584274 Thiago Silva

    Eu até que defendo, mas sou aberto para sustentar que em certos casos, o OS X e o Windows pode ser superior.

    Um exemplo disso é na edição profissional de áudio e vídeo, e em lançamentos de games.
    Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]

    • Ronan Neto

      O mundo Linux conta com um software muito bom para edição de audio,
      enquanto aos videos estamos caminhando, e games ah os games. Temos uma boa plataforma, a EA Games apos ir ao oftalmologista começou a enxergar isso.

      Enquanto ao “””Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]”””

      Eu diria que o Mundo Linux e muito mais que isso, e uma fonte de conhecimento, e eternas amizades.

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100001247584274 Thiago Silva

    Eu até que defendo, mas sou aberto para sustentar que em certos casos, o OS X e o Windows pode ser superior.

    Um exemplo disso é na edição profissional de áudio e vídeo, e em lançamentos de games.
    Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]

    • Ronan Neto

      O mundo Linux conta com um software muito bom para edição de audio,
      enquanto aos videos estamos caminhando, e games ah os games. Temos uma boa plataforma, a EA Games apos ir ao oftalmologista começou a enxergar isso.

      Enquanto ao “””Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]”””

      Eu diria que o Mundo Linux e muito mais que isso, e uma fonte de conhecimento, e eternas amizades.

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100001247584274 Thiago Silva

    Eu até que defendo, mas sou aberto para sustentar que em certos casos, o OS X e o Windows pode ser superior.

    Um exemplo disso é na edição profissional de áudio e vídeo, e em lançamentos de games.
    Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]

    • Ronan Neto

      O mundo Linux conta com um software muito bom para edição de audio,
      enquanto aos videos estamos caminhando, e games ah os games. Temos uma boa plataforma, a EA Games apos ir ao oftalmologista começou a enxergar isso.

      Enquanto ao “””Mas com exceção disso, e em casos de usuários domésticos de facebook e sites pornográficos [trollei], o Linux é a melhor opção, pois é seguro, leve, barato e bonito =]”””

      Eu diria que o Mundo Linux e muito mais que isso, e uma fonte de conhecimento, e eternas amizades.

  • http://www.facebook.com/people/Celio-Alves/100002726064545 Celio Alves

    Gosto mesmo é de rir das pérolas soltas pelos defensores da Microsoft, quando estes mencionam Linux com tanta desinformação.

    Eles são engraçados… =]

  • Celio Alves

    Gosto mesmo é de rir das pérolas soltas pelos defensores da Microsoft, quando estes mencionam Linux com tanta desinformação.

    Eles são engraçados… =]

  • http://www.facebook.com/people/Celio-Alves/100002726064545 Celio Alves

    Gosto mesmo é de rir das pérolas soltas pelos defensores da Microsoft, quando estes mencionam Linux com tanta desinformação.

    Eles são engraçados… =]

  • Lindberg

    Estou muito satisfeito com Linux ! É mais rápido … Ainda não pega virus com facilidade ! Funciona até no CD ou Pen Driver, meus acessos com senhas sempre estou com o Linux por questão de segurança, e ainda é Free. Na empresa onde trabalho ja instalei em quase todos os computadores. Para nossa felicidade ! O servidor foi o primeiro que instalei.
    - Acredito que vamos ter muitas surpresas boas sobre o Linux.

  • Lindberg

    Estou muito satisfeito com Linux ! É mais rápido … Ainda não pega virus com facilidade ! Funciona até no CD ou Pen Driver, meus acessos com senhas sempre estou com o Linux por questão de segurança, e ainda é Free. Na empresa onde trabalho ja instalei em quase todos os computadores. Para nossa felicidade ! O servidor foi o primeiro que instalei.
    - Acredito que vamos ter muitas surpresas boas sobre o Linux.

  • Lindberg

    Estou muito satisfeito com Linux ! É mais rápido … Ainda não pega virus com facilidade ! Funciona até no CD ou Pen Driver, meus acessos com senhas sempre estou com o Linux por questão de segurança, e ainda é Free. Na empresa onde trabalho ja instalei em quase todos os computadores. Para nossa felicidade ! O servidor foi o primeiro que instalei.
    - Acredito que vamos ter muitas surpresas boas sobre o Linux.

  • Lindberg

    Eu prefiro segurança …

  • Lindberg

    Eu prefiro segurança …

  • Lindberg

    Eu prefiro segurança …

  • Samuel Maia

    se me dão a chance exclaresso que primeiro utilizo o windows (para ganhar confiança), e logo explico as vantagens do linux que faz valer a pena usar os dois, e termino dizendo que o windows por enquanto só serve pra jogo.

  • Samuel Maia

    se me dão a chance exclaresso que primeiro utilizo o windows (para ganhar confiança), e logo explico as vantagens do linux que faz valer a pena usar os dois, e termino dizendo que o windows por enquanto só serve pra jogo.

  • Samuel Maia

    se me dão a chance exclaresso que primeiro utilizo o windows (para ganhar confiança), e logo explico as vantagens do linux que faz valer a pena usar os dois, e termino dizendo que o windows por enquanto só serve pra jogo.

  • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

    Eu até brigo na sala da aula, me recuso a usar o que o colégio me passa(programas e sistema operacional Windows ) . Sempre discordo, critico e defendo o Linux…Odeio quando vem e dizem “O linux é tão bom que mesmo de graça ninguém usa” “Linux é pra quem gosta de pornô , não pega vírus” e coisas desse tipo, além de mal intencionados mostram o completo desconhecimento…

    • daniel

      hahaha, tô só acompanhando a discussão [boa por sinal], mas é muito engraçado ver que quando o conhecimento sai o moralismo entra. Sei que não tem nada a ver com a discussão, mas é isso que você lembra bem, Lucas. Quem nunca entrou “naqueles” sites que atire a primeira pedra! haha
      Quando a gente não tem boas razões (e esta palavra já fala por si só) para defender nossas posições (seja usar este ou aquele programa ou SO), lançamos mão de argumentos “subjetivos” quando não moralistas :)

      • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

        é assim vc tenta ir pro lado lógico e com argumentação consciente, infelizmente uns usam disso pra tangenciar o tema e assim terem oquê falar!

  • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

    Eu até brigo na sala da aula, me recuso a usar o que o colégio me passa(programas e sistema operacional Windows ) . Sempre discordo, critico e defendo o Linux…Odeio quando vem e dizem “O linux é tão bom que mesmo de graça ninguém usa” “Linux é pra quem gosta de pornô , não pega vírus” e coisas desse tipo, além de mal intencionados mostram o completo desconhecimento…

    • daniel

      hahaha, tô só acompanhando a discussão [boa por sinal], mas é muito engraçado ver que quando o conhecimento sai o moralismo entra. Sei que não tem nada a ver com a discussão, mas é isso que você lembra bem, Lucas. Quem nunca entrou “naqueles” sites que atire a primeira pedra! haha
      Quando a gente não tem boas razões (e esta palavra já fala por si só) para defender nossas posições (seja usar este ou aquele programa ou SO), lançamos mão de argumentos “subjetivos” quando não moralistas :)

      • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

        é assim vc tenta ir pro lado lógico e com argumentação consciente, infelizmente uns usam disso pra tangenciar o tema e assim terem oquê falar!

  • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

    Eu até brigo na sala da aula, me recuso a usar o que o colégio me passa(programas e sistema operacional Windows ) . Sempre discordo, critico e defendo o Linux…Odeio quando vem e dizem “O linux é tão bom que mesmo de graça ninguém usa” “Linux é pra quem gosta de pornô , não pega vírus” e coisas desse tipo, além de mal intencionados mostram o completo desconhecimento…

    • daniel

      hahaha, tô só acompanhando a discussão [boa por sinal], mas é muito engraçado ver que quando o conhecimento sai o moralismo entra. Sei que não tem nada a ver com a discussão, mas é isso que você lembra bem, Lucas. Quem nunca entrou “naqueles” sites que atire a primeira pedra! haha
      Quando a gente não tem boas razões (e esta palavra já fala por si só) para defender nossas posições (seja usar este ou aquele programa ou SO), lançamos mão de argumentos “subjetivos” quando não moralistas :)

      • http://www.facebook.com/people/Lucas-Oliveira/100001645277739 Lucas Oliveira

        é assim vc tenta ir pro lado lógico e com argumentação consciente, infelizmente uns usam disso pra tangenciar o tema e assim terem oquê falar!

  • Daniel

    Acho [minha opinião] que podemos diferenciar duas coisas:
    1) Primeiro: há, sim, um argumento de paixão, de ideologia, de amor ao se defender o Linux. E acho que eles são válidos, assim como quando discuto com meus amigos sobre religião, política, comida, cultura… Neste tipo de discussão, mesclamos argumentos objetivos com pontos de vista mais subjetivos, pontos de vista que representam nossas experiências, no caso, com o pinguim. Mas quando saímos desse nível de discussão amigável [da roda de cerveja com calabresa :D] e partimos para uma discussão mais racional-prática, aí a coisa muda [próximo ponto]
    2) Segundo: há, então, um argumento mais racional-prático. Quando estamos falando com alguém que nos pede uma opinião profissional, então é uma questão de honestidade deixar nossas paixões de lado e confrontar as necessidades reais do utilizador, as possibilidades legais de utilização dos programas, a disposição financeira e de aprendizagem de um SO novo.. enfim… confrontando isso é aquilo é que podemos dizer se este ou aquele SO é melhor atualmente para determinadas demandas ou não..
    Resumo da ópera: defendo o Linux, sim, por acreditar numa ideologia e por rodar melhor no meu notebook que o windows… mas não sou louco de achar que essa é a melhor escolha pra todos :)
    Há demandas específicas que nos impedem de dizer que o Linux é a melhor solução para tudo (infelizmente eu diria, mas aí só por causa da minha paixão… hehehe)

  • Daniel

    Acho [minha opinião] que podemos diferenciar duas coisas:
    1) Primeiro: há, sim, um argumento de paixão, de ideologia, de amor ao se defender o Linux. E acho que eles são válidos, assim como quando discuto com meus amigos sobre religião, política, comida, cultura… Neste tipo de discussão, mesclamos argumentos objetivos com pontos de vista mais subjetivos, pontos de vista que representam nossas experiências, no caso, com o pinguim. Mas quando saímos desse nível de discussão amigável [da roda de cerveja com calabresa :D] e partimos para uma discussão mais racional-prática, aí a coisa muda [próximo ponto]
    2) Segundo: há, então, um argumento mais racional-prático. Quando estamos falando com alguém que nos pede uma opinião profissional, então é uma questão de honestidade deixar nossas paixões de lado e confrontar as necessidades reais do utilizador, as possibilidades legais de utilização dos programas, a disposição financeira e de aprendizagem de um SO novo.. enfim… confrontando isso é aquilo é que podemos dizer se este ou aquele SO é melhor atualmente para determinadas demandas ou não..
    Resumo da ópera: defendo o Linux, sim, por acreditar numa ideologia e por rodar melhor no meu notebook que o windows… mas não sou louco de achar que essa é a melhor escolha pra todos :)
    Há demandas específicas que nos impedem de dizer que o Linux é a melhor solução para tudo (infelizmente eu diria, mas aí só por causa da minha paixão… hehehe)

  • Daniel

    Acho [minha opinião] que podemos diferenciar duas coisas:
    1) Primeiro: há, sim, um argumento de paixão, de ideologia, de amor ao se defender o Linux. E acho que eles são válidos, assim como quando discuto com meus amigos sobre religião, política, comida, cultura… Neste tipo de discussão, mesclamos argumentos objetivos com pontos de vista mais subjetivos, pontos de vista que representam nossas experiências, no caso, com o pinguim. Mas quando saímos desse nível de discussão amigável [da roda de cerveja com calabresa :D] e partimos para uma discussão mais racional-prática, aí a coisa muda [próximo ponto]
    2) Segundo: há, então, um argumento mais racional-prático. Quando estamos falando com alguém que nos pede uma opinião profissional, então é uma questão de honestidade deixar nossas paixões de lado e confrontar as necessidades reais do utilizador, as possibilidades legais de utilização dos programas, a disposição financeira e de aprendizagem de um SO novo.. enfim… confrontando isso é aquilo é que podemos dizer se este ou aquele SO é melhor atualmente para determinadas demandas ou não..
    Resumo da ópera: defendo o Linux, sim, por acreditar numa ideologia e por rodar melhor no meu notebook que o windows… mas não sou louco de achar que essa é a melhor escolha pra todos :)
    Há demandas específicas que nos impedem de dizer que o Linux é a melhor solução para tudo (infelizmente eu diria, mas aí só por causa da minha paixão… hehehe)

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Vamos trollar 1 pouco: A ABES é uma empresa q vive em função do software proprietário, opondo-se ao modelo Livre adotado por milhões de pessoa ao redor do mundo e que aqui no Br, foi a plataforma escolhida pelo governo federal.
    O atual presidente dessa entidade, Gerson Schmitt, vive soltando pérolas tais como: “o modelo de software livre não produz inovação, demanda mais mão-de-obra, remunera menos toda a cadeia produtiva, não é auto-sustentável e seria praticamente inexistente sem o governo como seu protagonista”.

    Como vcs responderiam a uma estupidez dessas?

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Vamos trollar 1 pouco: A ABES é uma empresa q vive em função do software proprietário, opondo-se ao modelo Livre adotado por milhões de pessoa ao redor do mundo e que aqui no Br, foi a plataforma escolhida pelo governo federal.
    O atual presidente dessa entidade, Gerson Schmitt, vive soltando pérolas tais como: “o modelo de software livre não produz inovação, demanda mais mão-de-obra, remunera menos toda a cadeia produtiva, não é auto-sustentável e seria praticamente inexistente sem o governo como seu protagonista”.

    Como vcs responderiam a uma estupidez dessas?

  • http://www.facebook.com/people/Daigo-Asuka/100001539766703 Daigo Asuka

    Vamos trollar 1 pouco: A ABES é uma empresa q vive em função do software proprietário, opondo-se ao modelo Livre adotado por milhões de pessoa ao redor do mundo e que aqui no Br, foi a plataforma escolhida pelo governo federal.
    O atual presidente dessa entidade, Gerson Schmitt, vive soltando pérolas tais como: “o modelo de software livre não produz inovação, demanda mais mão-de-obra, remunera menos toda a cadeia produtiva, não é auto-sustentável e seria praticamente inexistente sem o governo como seu protagonista”.

    Como vcs responderiam a uma estupidez dessas?

  • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

    O Preconceito que as Pessoas tem com o Linux é igual as que não se importam com os Animais, pois está escrito na Bíblia de todo o tamanho “Deus criou o Céu, a Terra e tudo que se habita nela” e as pessoas vão a igreja e acha que os Animais e a Natureza não faz parte de Deus, que é uma Besteira e Tal…
    Dá mesma forma o Linux, as pessoas defendem o Windows, compram PCs com Linux só pra usar Windows Pirata e mesmo com muitos problemas temam em dizer que Linux é lixo é ruim, é complicado e tal…
    Sabem de uma coisa eu defendo pra mim, que quiser aceitar Amém, quem não quiser vão se ferrar…
    Eu uso Ubuntu e quero usuário Windows pra !@#$%*())**@#

    • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

      Cara eu estou cançado de piadinhas, do tipo só funciona com terminal, é todo de tela preta, tem que ter curso de programação, não tem jogos, ninguém usa, não serve pra nada, etc…
      O mesmo preconceito que o usuário Windows tem pra Linux, tem pra Mac dizendo que é caro, modinha, jogar dinheiro fora, produto fraco, etc…

      • http://www.facebook.com/people/Celio-Alves/100002726064545 Celio Alves

        Basta falar do “sucesso” do Windows Vista e eles ficarão de bico fechado.
        Simples! ;-)

  • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

    O Preconceito que as Pessoas tem com o Linux é igual as que não se importam com os Animais, pois está escrito na Bíblia de todo o tamanho “Deus criou o Céu, a Terra e tudo que se habita nela” e as pessoas vão a igreja e acha que os Animais e a Natureza não faz parte de Deus, que é uma Besteira e Tal…
    Dá mesma forma o Linux, as pessoas defendem o Windows, compram PCs com Linux só pra usar Windows Pirata e mesmo com muitos problemas temam em dizer que Linux é lixo é ruim, é complicado e tal…
    Sabem de uma coisa eu defendo pra mim, que quiser aceitar Amém, quem não quiser vão se ferrar…
    Eu uso Ubuntu e quero usuário Windows pra !@#$%*())**@#

    • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

      Cara eu estou cançado de piadinhas, do tipo só funciona com terminal, é todo de tela preta, tem que ter curso de programação, não tem jogos, ninguém usa, não serve pra nada, etc…
      O mesmo preconceito que o usuário Windows tem pra Linux, tem pra Mac dizendo que é caro, modinha, jogar dinheiro fora, produto fraco, etc…

      • Celio Alves

        Basta falar do “sucesso” do Windows Vista e eles ficarão de bico fechado.
        Simples! ;-)

  • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

    O Preconceito que as Pessoas tem com o Linux é igual as que não se importam com os Animais, pois está escrito na Bíblia de todo o tamanho “Deus criou o Céu, a Terra e tudo que se habita nela” e as pessoas vão a igreja e acha que os Animais e a Natureza não faz parte de Deus, que é uma Besteira e Tal…
    Dá mesma forma o Linux, as pessoas defendem o Windows, compram PCs com Linux só pra usar Windows Pirata e mesmo com muitos problemas temam em dizer que Linux é lixo é ruim, é complicado e tal…
    Sabem de uma coisa eu defendo pra mim, que quiser aceitar Amém, quem não quiser vão se ferrar…
    Eu uso Ubuntu e quero usuário Windows pra !@#$%*())**@#

    • http://www.facebook.com/people/Ivo-Nunes/100001887031424 Ivo Nunes

      Cara eu estou cançado de piadinhas, do tipo só funciona com terminal, é todo de tela preta, tem que ter curso de programação, não tem jogos, ninguém usa, não serve pra nada, etc…
      O mesmo preconceito que o usuário Windows tem pra Linux, tem pra Mac dizendo que é caro, modinha, jogar dinheiro fora, produto fraco, etc…

      • http://www.facebook.com/people/Celio-Alves/100002726064545 Celio Alves

        Basta falar do “sucesso” do Windows Vista e eles ficarão de bico fechado.
        Simples! ;-)

  • nede monteiro

    Aqui em casa são cinco pessoas, Ubuntu,Slackware,Xubuntu,XP e Seven, todos satisfeitos,nenhum com dual-Boot, e não incentivo ninguem a migrar para o Linux, se esse povo se bandear pro Linux, vira uma bagunça que nem o Windows, deixa o Linux como tá , que tá bom assim.

    • Ronan Neto

      O caso é que não vira bagunça. O Linux e feito por uma comunidade e a tendençia e crescer.
      Mais gente é igual a melhor documentação, melhor software e mais programas sendo traduizidos.

      Em outras palavras quem faz o Linux bom é a gente, afinal essa e a intenção do software livre.

      Uma vez me perguntaram porque que a Microsoft usa o Red Hat nos seus servidores?

      Pois é ne “paz de espirito”, isso acontece por lá.

  • nede monteiro

    Aqui em casa são cinco pessoas, Ubuntu,Slackware,Xubuntu,XP e Seven, todos satisfeitos,nenhum com dual-Boot, e não incentivo ninguem a migrar para o Linux, se esse povo se bandear pro Linux, vira uma bagunça que nem o Windows, deixa o Linux como tá , que tá bom assim.

    • Ronan Neto

      O caso é que não vira bagunça. O Linux e feito por uma comunidade e a tendençia e crescer.
      Mais gente é igual a melhor documentação, melhor software e mais programas sendo traduizidos.

      Em outras palavras quem faz o Linux bom é a gente, afinal essa e a intenção do software livre.

      Uma vez me perguntaram porque que a Microsoft usa o Red Hat nos seus servidores?

      Pois é ne “paz de espirito”, isso acontece por lá.

  • nede monteiro

    Aqui em casa são cinco pessoas, Ubuntu,Slackware,Xubuntu,XP e Seven, todos satisfeitos,nenhum com dual-Boot, e não incentivo ninguem a migrar para o Linux, se esse povo se bandear pro Linux, vira uma bagunça que nem o Windows, deixa o Linux como tá , que tá bom assim.

    • Ronan Neto

      O caso é que não vira bagunça. O Linux e feito por uma comunidade e a tendençia e crescer.
      Mais gente é igual a melhor documentação, melhor software e mais programas sendo traduizidos.

      Em outras palavras quem faz o Linux bom é a gente, afinal essa e a intenção do software livre.

      Uma vez me perguntaram porque que a Microsoft usa o Red Hat nos seus servidores?

      Pois é ne “paz de espirito”, isso acontece por lá.

  • o

    orlando silveira, usuario
    bem e muito dificil defender o ubuntu diante de pessoas cegas, e fissuradas por windows, de mac eu nem digo, porque poucos o usam diante do renome do windows, e que nem aceitam testar outros sistemas, muitos ate so usam o windows e nao aceitam nem o mac, portanto ao meu entender sao pessoas incapazes, e deixam-se dominar por um sistema, temos que testar todos os sistemas que o mercado criar, e conhecer sua usabilidade, eu sempre usei o windows por ser ele o precursor dos sistemas operacionais, desde que ouvi falar do linux com o conectiva, tentei usar, porem era muito comandos os quais nao tinha conhecimento, depois desenvolveram o ubuntu e desde entao comecei a usar e nunca mais parei, e ha sete anos so uso ubuntu, ja testei todos linux, mas o ubuntu e mais inteligente em tudo, rapido, pratico, resolvido, enquanto que no windows fica girando e girando, ou atacado por virus que nao se consegue abrir a pagina ou um aplicativo, e e por esses motivos que adotei o ubuntu, alem de ser gratis, e a maioria que usam o windows, o usam pirata, ja que o defendem, porque nao compra uma licença?!

  • o

    orlando silveira, usuario
    bem e muito dificil defender o ubuntu diante de pessoas cegas, e fissuradas por windows, de mac eu nem digo, porque poucos o usam diante do renome do windows, e que nem aceitam testar outros sistemas, muitos ate so usam o windows e nao aceitam nem o mac, portanto ao meu entender sao pessoas incapazes, e deixam-se dominar por um sistema, temos que testar todos os sistemas que o mercado criar, e conhecer sua usabilidade, eu sempre usei o windows por ser ele o precursor dos sistemas operacionais, desde que ouvi falar do linux com o conectiva, tentei usar, porem era muito comandos os quais nao tinha conhecimento, depois desenvolveram o ubuntu e desde entao comecei a usar e nunca mais parei, e ha sete anos so uso ubuntu, ja testei todos linux, mas o ubuntu e mais inteligente em tudo, rapido, pratico, resolvido, enquanto que no windows fica girando e girando, ou atacado por virus que nao se consegue abrir a pagina ou um aplicativo, e e por esses motivos que adotei o ubuntu, alem de ser gratis, e a maioria que usam o windows, o usam pirata, ja que o defendem, porque nao compra uma licença?!

  • o

    orlando silveira, usuario
    bem e muito dificil defender o ubuntu diante de pessoas cegas, e fissuradas por windows, de mac eu nem digo, porque poucos o usam diante do renome do windows, e que nem aceitam testar outros sistemas, muitos ate so usam o windows e nao aceitam nem o mac, portanto ao meu entender sao pessoas incapazes, e deixam-se dominar por um sistema, temos que testar todos os sistemas que o mercado criar, e conhecer sua usabilidade, eu sempre usei o windows por ser ele o precursor dos sistemas operacionais, desde que ouvi falar do linux com o conectiva, tentei usar, porem era muito comandos os quais nao tinha conhecimento, depois desenvolveram o ubuntu e desde entao comecei a usar e nunca mais parei, e ha sete anos so uso ubuntu, ja testei todos linux, mas o ubuntu e mais inteligente em tudo, rapido, pratico, resolvido, enquanto que no windows fica girando e girando, ou atacado por virus que nao se consegue abrir a pagina ou um aplicativo, e e por esses motivos que adotei o ubuntu, alem de ser gratis, e a maioria que usam o windows, o usam pirata, ja que o defendem, porque nao compra uma licença?!

  • o

    orlando silveira,usuario
    sugestao: o que precisa se fazer no ubuntu e fazer o instalador de drivers de terceiros baixa-lo e instala-lo sozinho, como ocorre com os outros drivers, e esse fato de reconhecer todos os drivers inclusive da rede, isso sim foi o que mais me imprecionou, o windows existe ha muito tempo antes do linux, e o windows nao consegue fazer isso, so por isso o linux ja venceu milhoes de vezes, so falta conseguir faze-lo reconhecer, baixar, e instala-lo automaticamente, bem como os aplicativos java, flash, e adobe reader.

  • o

    orlando silveira,usuario
    sugestao: o que precisa se fazer no ubuntu e fazer o instalador de drivers de terceiros baixa-lo e instala-lo sozinho, como ocorre com os outros drivers, e esse fato de reconhecer todos os drivers inclusive da rede, isso sim foi o que mais me imprecionou, o windows existe ha muito tempo antes do linux, e o windows nao consegue fazer isso, so por isso o linux ja venceu milhoes de vezes, so falta conseguir faze-lo reconhecer, baixar, e instala-lo automaticamente, bem como os aplicativos java, flash, e adobe reader.

  • o

    orlando silveira,usuario
    sugestao: o que precisa se fazer no ubuntu e fazer o instalador de drivers de terceiros baixa-lo e instala-lo sozinho, como ocorre com os outros drivers, e esse fato de reconhecer todos os drivers inclusive da rede, isso sim foi o que mais me imprecionou, o windows existe ha muito tempo antes do linux, e o windows nao consegue fazer isso, so por isso o linux ja venceu milhoes de vezes, so falta conseguir faze-lo reconhecer, baixar, e instala-lo automaticamente, bem como os aplicativos java, flash, e adobe reader.

  • http://www.facebook.com/evandrolkot Evandro Lazzeri Kottwitz

    leve, seguro, estável, totalmente personalizável, LIVRE!

  • http://www.facebook.com/evandrolkot Evandro Lazzeri Kottwitz

    leve, seguro, estável, totalmente personalizável, LIVRE!

  • http://www.facebook.com/evandrolkot Evandro Lazzeri Kottwitz

    leve, seguro, estável, totalmente personalizável, LIVRE!

  • Santos

    Em casa, uso Ubuntu e estou satisfeito.

  • Santos

    Em casa, uso Ubuntu e estou satisfeito.

  • Santos

    Em casa, uso Ubuntu e estou satisfeito.

  • Marcos Bitetti

    Eu defendia ele muito mais até ter q trampar numa firma 8 horas por dia. Assim sofrendo ataques constantes 8 horas por 5 dias ninguem aguenta.

    Ai aprendi a modificar minha forma de impor minha plataforma.
    Primeiro não tolero que os outros apresentem sugestões de troca.
    Segundo e acima de tudo “não sugiro”, apenas mostro oque ando fazendo.
    Terceiro lembrem-se de Bruce Lee, que nos mostra que muitos casos de preconceito geralmente são incitados pela própria vitima!

    Quando me perguntam se o programa que estou montando vai rodar no sistema deles aviso que só depois da fase de desenvolvimento e explico o porque das vantagens do Linux e o porque eu quero manter distância do modelo de trabalho que eles estão acostumados.

  • Marcos Bitetti

    Eu defendia ele muito mais até ter q trampar numa firma 8 horas por dia. Assim sofrendo ataques constantes 8 horas por 5 dias ninguem aguenta.

    Ai aprendi a modificar minha forma de impor minha plataforma.
    Primeiro não tolero que os outros apresentem sugestões de troca.
    Segundo e acima de tudo “não sugiro”, apenas mostro oque ando fazendo.
    Terceiro lembrem-se de Bruce Lee, que nos mostra que muitos casos de preconceito geralmente são incitados pela própria vitima!

    Quando me perguntam se o programa que estou montando vai rodar no sistema deles aviso que só depois da fase de desenvolvimento e explico o porque das vantagens do Linux e o porque eu quero manter distância do modelo de trabalho que eles estão acostumados.

  • Marcos Bitetti

    Eu defendia ele muito mais até ter q trampar numa firma 8 horas por dia. Assim sofrendo ataques constantes 8 horas por 5 dias ninguem aguenta.

    Ai aprendi a modificar minha forma de impor minha plataforma.
    Primeiro não tolero que os outros apresentem sugestões de troca.
    Segundo e acima de tudo “não sugiro”, apenas mostro oque ando fazendo.
    Terceiro lembrem-se de Bruce Lee, que nos mostra que muitos casos de preconceito geralmente são incitados pela própria vitima!

    Quando me perguntam se o programa que estou montando vai rodar no sistema deles aviso que só depois da fase de desenvolvimento e explico o porque das vantagens do Linux e o porque eu quero manter distância do modelo de trabalho que eles estão acostumados.

  • pifferm

    Falar do “joguinho pirateado da web” é puro preconceito contra os usuários dos demais sistemas operacionais.
    Eu tenho o Ubuntu no meu notebook e no trabalho e gosto muito dele; acho o melhor SO. Mas eu não trabalho com informática; o meu trabalho não é no sistema operacional e sim nos aplicativos.
    Tem coisas, além dos jogos (os meus não são pirateados), que os aplicativos para o Linux não dão conta.

    • Jorge

      Isto depende muito da área, também não trabalho com informática mas todos os softwares que eu necessito estão disponíveis para linux.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Lógico que existem muitas pessoas que são corretas e procuram pela não pirataria. Do mesmo jeito que já conheci 1 usuário Linux que pirateava, baixava o joguinhos como word of goo, crossover, tudo sem pagar nada.

      Mas a minha realidade que me cerca, não me lembro de ninguém que tenho conhecido que pagavam pelo seus softwares, principalmente jogos. Até para esses eu contava para eles sobre o Humble Bundle, Indie Royale e também comento que as lojas como nuuvem, steam, desura, sempre tem promoções a preços baixicimos e não precisa piratear. Mas uma parcela consideravel, queria jogar o jogo do momento, aquela ultima versão que ainda se encontra com preço alto.

      Eu tenho jogos pra caramba, sempre não resistindo ao humble bundle, indie royale e as promoções de lojas de jogos, a maioria dos jogos são para linux, mas tenho muitos que ficam em promoção e pesquiso para ver se roda pelo wine e principalmente se tem no play on linux.

      Mas a realidade é essa (pelo menos a minha) a pirataria é a grande campeã, grande parte da culpa é dos impostos e até um pouco da produtora que quer cobrar alto pelos jogos e nunca abaixar o preço pra vender mais(salvo algumas promoções)

  • http://vootatico.com.br/ PFF

    Falar do “joguinho pirateado da web” é puro preconceito contra os usuários dos demais sistemas operacionais.
    Eu tenho o Ubuntu no meu notebook e no trabalho e gosto muito dele; acho o melhor SO. Mas eu não trabalho com informática; o meu trabalho não é no sistema operacional e sim nos aplicativos.
    Tem coisas, além dos jogos (os meus não são pirateados), que os aplicativos para o Linux não dão conta.

    • Jorge

      Isto depende muito da área, também não trabalho com informática mas todos os softwares que eu necessito estão disponíveis para linux.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Lógico que existem muitas pessoas que são corretas e procuram pela não pirataria. Do mesmo jeito que já conheci 1 usuário Linux que pirateava, baixava o joguinhos como word of goo, crossover, tudo sem pagar nada.

      Mas a minha realidade que me cerca, não me lembro de ninguém que tenho conhecido que pagavam pelo seus softwares, principalmente jogos. Até para esses eu contava para eles sobre o Humble Bundle, Indie Royale e também comento que as lojas como nuuvem, steam, desura, sempre tem promoções a preços baixicimos e não precisa piratear. Mas uma parcela consideravel, queria jogar o jogo do momento, aquela ultima versão que ainda se encontra com preço alto.

      Eu tenho jogos pra caramba, sempre não resistindo ao humble bundle, indie royale e as promoções de lojas de jogos, a maioria dos jogos são para linux, mas tenho muitos que ficam em promoção e pesquiso para ver se roda pelo wine e principalmente se tem no play on linux.

      Mas a realidade é essa (pelo menos a minha) a pirataria é a grande campeã, grande parte da culpa é dos impostos e até um pouco da produtora que quer cobrar alto pelos jogos e nunca abaixar o preço pra vender mais(salvo algumas promoções)

  • pifferm

    Falar do “joguinho pirateado da web” é puro preconceito contra os usuários dos demais sistemas operacionais.
    Eu tenho o Ubuntu no meu notebook e no trabalho e gosto muito dele; acho o melhor SO. Mas eu não trabalho com informática; o meu trabalho não é no sistema operacional e sim nos aplicativos.
    Tem coisas, além dos jogos (os meus não são pirateados), que os aplicativos para o Linux não dão conta.

    • Jorge

      Isto depende muito da área, também não trabalho com informática mas todos os softwares que eu necessito estão disponíveis para linux.

    • http://www.facebook.com/marcosbobsantana Marcos Vinícius Santana

      Lógico que existem muitas pessoas que são corretas e procuram pela não pirataria. Do mesmo jeito que já conheci 1 usuário Linux que pirateava, baixava o joguinhos como word of goo, crossover, tudo sem pagar nada.

      Mas a minha realidade que me cerca, não me lembro de ninguém que tenho conhecido que pagavam pelo seus softwares, principalmente jogos. Até para esses eu contava para eles sobre o Humble Bundle, Indie Royale e também comento que as lojas como nuuvem, steam, desura, sempre tem promoções a preços baixicimos e não precisa piratear. Mas uma parcela consideravel, queria jogar o jogo do momento, aquela ultima versão que ainda se encontra com preço alto.

      Eu tenho jogos pra caramba, sempre não resistindo ao humble bundle, indie royale e as promoções de lojas de jogos, a maioria dos jogos são para linux, mas tenho muitos que ficam em promoção e pesquiso para ver se roda pelo wine e principalmente se tem no play on linux.

      Mas a realidade é essa (pelo menos a minha) a pirataria é a grande campeã, grande parte da culpa é dos impostos e até um pouco da produtora que quer cobrar alto pelos jogos e nunca abaixar o preço pra vender mais(salvo algumas promoções)

  • José Filipe

    Olá !

    Quem quiser tar a par e passo de notícias sobre o Linux, façam like nesta página
    https://www.facebook.com/linuxbestchoice

    Èu já uso o Linux desde 1996, na altura era uma seca, tinha q instalar o slackware em 60 disquetes ! lool
    Mas o Linux na última década evoluiu imenso, e hoje em dia usar o Linux é quase tanto intituitivo como usar o Windows … ! :-)
    Eu pessoalmente, no trabalho, em casa no pc fixo, no meu netbook, é tudo Fedora Linux :-)

    Bom, na hora de defender o Linux, eu uso argumentos como a ilegalidade (a seca de ter q arranjar cracks), a existência de software alternativo à medida dos propriétários (o pessoal me diz mas soft crecado X é melhor, e eu mostro com provas concretas q o software livre equivalente faz o mesmo trabalho com tutoriais, comparativos …)

    Tb costumo usar os argumentos do facto de ser mais seguro, e de não existir bichesa (virus, spyware … )

    Um dos argumentos mais poderosos é o tempo de boot, meus amigos 20 segundos de boot no windows é impossível, esse é mesmo imbatível, venha quem vier :-)

    Uso igualmente os argumentos da rapidez, multiplos desktops … temos q defender o nosso querido pinguim :-)

    Abraços e parabéns plo artigo :-)

  • José Filipe

    Olá !

    Quem quiser tar a par e passo de notícias sobre o Linux, façam like nesta página
    https://www.facebook.com/linuxbestchoice

    Èu já uso o Linux desde 1996, na altura era uma seca, tinha q instalar o slackware em 60 disquetes ! lool
    Mas o Linux na última década evoluiu imenso, e hoje em dia usar o Linux é quase tanto intituitivo como usar o Windows … ! :-)
    Eu pessoalmente, no trabalho, em casa no pc fixo, no meu netbook, é tudo Fedora Linux :-)

    Bom, na hora de defender o Linux, eu uso argumentos como a ilegalidade (a seca de ter q arranjar cracks), a existência de software alternativo à medida dos propriétários (o pessoal me diz mas soft crecado X é melhor, e eu mostro com provas concretas q o software livre equivalente faz o mesmo trabalho com tutoriais, comparativos …)

    Tb costumo usar os argumentos do facto de ser mais seguro, e de não existir bichesa (virus, spyware … )

    Um dos argumentos mais poderosos é o tempo de boot, meus amigos 20 segundos de boot no windows é impossível, esse é mesmo imbatível, venha quem vier :-)

    Uso igualmente os argumentos da rapidez, multiplos desktops … temos q defender o nosso querido pinguim :-)

    Abraços e parabéns plo artigo :-)

  • José Filipe

    Olá !

    Quem quiser tar a par e passo de notícias sobre o Linux, façam like nesta página
    https://www.facebook.com/linuxbestchoice

    Èu já uso o Linux desde 1996, na altura era uma seca, tinha q instalar o slackware em 60 disquetes ! lool
    Mas o Linux na última década evoluiu imenso, e hoje em dia usar o Linux é quase tanto intituitivo como usar o Windows … ! :-)
    Eu pessoalmente, no trabalho, em casa no pc fixo, no meu netbook, é tudo Fedora Linux :-)

    Bom, na hora de defender o Linux, eu uso argumentos como a ilegalidade (a seca de ter q arranjar cracks), a existência de software alternativo à medida dos propriétários (o pessoal me diz mas soft crecado X é melhor, e eu mostro com provas concretas q o software livre equivalente faz o mesmo trabalho com tutoriais, comparativos …)

    Tb costumo usar os argumentos do facto de ser mais seguro, e de não existir bichesa (virus, spyware … )

    Um dos argumentos mais poderosos é o tempo de boot, meus amigos 20 segundos de boot no windows é impossível, esse é mesmo imbatível, venha quem vier :-)

    Uso igualmente os argumentos da rapidez, multiplos desktops … temos q defender o nosso querido pinguim :-)

    Abraços e parabéns plo artigo :-)

  • John Peter McJohnson

    Eu defendo fazer dinheiro trabalhando com TI para pagar as contas. Pessoa que “defende” um sistema operacional, a ponto de evangelização, é certamente uma pessoa com distúrbios mentais e que precisa de acompanhamento psiquiátrico urgente. Ou passa quando vira adulta.

  • John Peter McJohnson

    Eu defendo fazer dinheiro trabalhando com TI para pagar as contas. Pessoa que “defende” um sistema operacional, a ponto de evangelização, é certamente uma pessoa com distúrbios mentais e que precisa de acompanhamento psiquiátrico urgente. Ou passa quando vira adulta.

  • John Peter McJohnson

    Eu defendo fazer dinheiro trabalhando com TI para pagar as contas. Pessoa que “defende” um sistema operacional, a ponto de evangelização, é certamente uma pessoa com distúrbios mentais e que precisa de acompanhamento psiquiátrico urgente. Ou passa quando vira adulta.

  • Antonio Novaes

    Acredito que todos os usuários tem o DIREITO de escolher que sistema quer usar, cada um tem seus critérios (facilidade, popularidade, segurança, estabilidade e por ai vai). Não quero persuadir outros falando de falhas de maneira expontânea de outros SO’s, uma técnica que uso para estimular o Linux é simples mente usar na frente de outros e comentar seus aspectos positivos tanto de usabilidade (funcionais) quanto de oportunidades de mercado de trabalho. Quando ouço essas conversa dequal o S.O. é melhor eu deixo a conversa rolar, geralmente isso não leva a nada, mas quando vem críticas destrutivas, com a intensão de contranger ai sim entro na guerra´, sei reconhecer algumas carências do linux (isso se dá mais no ramo comercial, lucrativo de jogos e compatibilidade com alguns programas comerciais e de foco a massa – povão) e constumo dizer o seguinte:

    - Multiusuário mesmo em modo texto;

    - Sistema de arquivo estável com muitas ferramentas de manutenção;

    - Atualização em tempo rápido;

    - Com possibilidade de receber vários “Add-ons/extensões” (ferramentas para auxiliar o trabalho);

    - Personalização técnica (partição, permissões, links e outras) e de interface;

    - Ampla possibilidade de comunicação com vários outros sistemas e redes;

    - Grande comunidade de suporte por praticamente 24hs e 7 dias por semana;

    - Alto nível de segurança;

    - Manutenção remota com custo baixo de link (não precisa interface
    gráfica, mas é possível, que aumenta ENORMEMENTE este custo);

    - Um sistema que veio de plataforma de servidores e migrando para plataforma cliente, e não o inverso como tem sido em outros sistemas.

    Alguns sistemas operacionais tem atualização com o tempo mínimo de 168hs (7 dias), enquanto a falha crítica continua “em aberto” e quanto aos sitemas Linux’s tem um prazo médio de 24hs para receberem atualizações críticas. Conta com uma grande quantidade de pessoas para dar suporte, não só uma empresa, mas sim uma vasta comunidade, Exemplo: RedHat, HP, Canonical, Sun (Oracle), IBM e todos os programadores/hackers que colaboram com descobertas e contribuição de código. Então nota-se que o sistema Linux tem uma ampla base e solides.

    Escrevi um texto com o título: Por que uso o linux, quem quiser ler está no link https://sites.google.com/site/antonionovaesjr/linux/por-que-uso-linux

    Abraço a todos!!!

  • Antonio Novaes

    Acredito que todos os usuários tem o DIREITO de escolher que sistema quer usar, cada um tem seus critérios (facilidade, popularidade, segurança, estabilidade e por ai vai). Não quero persuadir outros falando de falhas de maneira expontânea de outros SO’s, uma técnica que uso para estimular o Linux é simples mente usar na frente de outros e comentar seus aspectos positivos tanto de usabilidade (funcionais) quanto de oportunidades de mercado de trabalho. Quando ouço essas conversa dequal o S.O. é melhor eu deixo a conversa rolar, geralmente isso não leva a nada, mas quando vem críticas destrutivas, com a intensão de contranger ai sim entro na guerra´, sei reconhecer algumas carências do linux (isso se dá mais no ramo comercial, lucrativo de jogos e compatibilidade com alguns programas comerciais e de foco a massa – povão) e constumo dizer o seguinte:

    - Multiusuário mesmo em modo texto;

    - Sistema de arquivo estável com muitas ferramentas de manutenção;

    - Atualização em tempo rápido;

    - Com possibilidade de receber vários “Add-ons/extensões” (ferramentas para auxiliar o trabalho);

    - Personalização técnica (partição, permissões, links e outras) e de interface;

    - Ampla possibilidade de comunicação com vários outros sistemas e redes;

    - Grande comunidade de suporte por praticamente 24hs e 7 dias por semana;

    - Alto nível de segurança;

    - Manutenção remota com custo baixo de link (não precisa interface
    gráfica, mas é possível, que aumenta ENORMEMENTE este custo);

    - Um sistema que veio de plataforma de servidores e migrando para plataforma cliente, e não o inverso como tem sido em outros sistemas.

    Alguns sistemas operacionais tem atualização com o tempo mínimo de 168hs (7 dias), enquanto a falha crítica continua “em aberto” e quanto aos sitemas Linux’s tem um prazo médio de 24hs para receberem atualizações críticas. Conta com uma grande quantidade de pessoas para dar suporte, não só uma empresa, mas sim uma vasta comunidade, Exemplo: RedHat, HP, Canonical, Sun (Oracle), IBM e todos os programadores/hackers que colaboram com descobertas e contribuição de código. Então nota-se que o sistema Linux tem uma ampla base e solides.

    Escrevi um texto com o título: Por que uso o linux, quem quiser ler está no link https://sites.google.com/site/antonionovaesjr/linux/por-que-uso-linux

    Abraço a todos!!!

  • Antonio Novaes

    Acredito que todos os usuários tem o DIREITO de escolher que sistema quer usar, cada um tem seus critérios (facilidade, popularidade, segurança, estabilidade e por ai vai). Não quero persuadir outros falando de falhas de maneira expontânea de outros SO’s, uma técnica que uso para estimular o Linux é simples mente usar na frente de outros e comentar seus aspectos positivos tanto de usabilidade (funcionais) quanto de oportunidades de mercado de trabalho. Quando ouço essas conversa dequal o S.O. é melhor eu deixo a conversa rolar, geralmente isso não leva a nada, mas quando vem críticas destrutivas, com a intensão de contranger ai sim entro na guerra´, sei reconhecer algumas carências do linux (isso se dá mais no ramo comercial, lucrativo de jogos e compatibilidade com alguns programas comerciais e de foco a massa – povão) e constumo dizer o seguinte:

    - Multiusuário mesmo em modo texto;

    - Sistema de arquivo estável com muitas ferramentas de manutenção;

    - Atualização em tempo rápido;

    - Com possibilidade de receber vários “Add-ons/extensões” (ferramentas para auxiliar o trabalho);

    - Personalização técnica (partição, permissões, links e outras) e de interface;

    - Ampla possibilidade de comunicação com vários outros sistemas e redes;

    - Grande comunidade de suporte por praticamente 24hs e 7 dias por semana;

    - Alto nível de segurança;

    - Manutenção remota com custo baixo de link (não precisa interface
    gráfica, mas é possível, que aumenta ENORMEMENTE este custo);

    - Um sistema que veio de plataforma de servidores e migrando para plataforma cliente, e não o inverso como tem sido em outros sistemas.

    Alguns sistemas operacionais tem atualização com o tempo mínimo de 168hs (7 dias), enquanto a falha crítica continua “em aberto” e quanto aos sitemas Linux’s tem um prazo médio de 24hs para receberem atualizações críticas. Conta com uma grande quantidade de pessoas para dar suporte, não só uma empresa, mas sim uma vasta comunidade, Exemplo: RedHat, HP, Canonical, Sun (Oracle), IBM e todos os programadores/hackers que colaboram com descobertas e contribuição de código. Então nota-se que o sistema Linux tem uma ampla base e solides.

    Escrevi um texto com o título: Por que uso o linux, quem quiser ler está no link https://sites.google.com/site/antonionovaesjr/linux/por-que-uso-linux

    Abraço a todos!!!

  • Alair Santos

    Como eu já disse no G+, defendo sim e hoje eu tenho uma visão mais amadurecida do que há alguns anos, há casos em que a gente ouve tanta “abobrinha” que a melhor opção é não dizer nada e deixar o cidadão já irremediavelmente convicto de suas asneiras falando com “as paredes”, num instante o mesmo perde a graça e até muda de assunto, eu não defendo no sentido de “bater boca”, defendo falando dos prós e contras para pessoas que me perguntam sobre o assunto e exponho minha experiência como usuário.
    Eu não trato a plataforma com religião “receitando” linux para todas as situações e falando de linux a todo momento, pois quem assim o faz acaba fazendo o papel de chato e antipático, pra não fazer papel de alienado a gente tem quer ter o bom senso de falar no hora certa, ter uma visão mais ampla, ter consciência de que nem tudo que é bom para meu uso será bom para outra pessoa.
    Quando comecei a usar linux no meu dia-a-dia o fiz espontaneamente, não foi necessário que alguém me convencesse, da mesma maneira não procuro convencer ninguém a usar linux, apenas falo bem do linux da mesma maneira que falo bem da minha marca de geladeira, da minha marca de televisor, dos meus alimentos favoritos isso tudo quando solicitado, claro. Enfim eu falo bem do que me agrada, se quiser me acompanhar fique à vontade, se não quiser pode ter certeza que não farei o mínimo esforço para que isso aconteça.

  • Alair Santos

    Como eu já disse no G+, defendo sim e hoje eu tenho uma visão mais amadurecida do que há alguns anos, há casos em que a gente ouve tanta “abobrinha” que a melhor opção é não dizer nada e deixar o cidadão já irremediavelmente convicto de suas asneiras falando com “as paredes”, num instante o mesmo perde a graça e até muda de assunto, eu não defendo no sentido de “bater boca”, defendo falando dos prós e contras para pessoas que me perguntam sobre o assunto e exponho minha experiência como usuário.
    Eu não trato a plataforma com religião “receitando” linux para todas as situações e falando de linux a todo momento, pois quem assim o faz acaba fazendo o papel de chato e antipático, pra não fazer papel de alienado a gente tem quer ter o bom senso de falar no hora certa, ter uma visão mais ampla, ter consciência de que nem tudo que é bom para meu uso será bom para outra pessoa.
    Quando comecei a usar linux no meu dia-a-dia o fiz espontaneamente, não foi necessário que alguém me convencesse, da mesma maneira não procuro convencer ninguém a usar linux, apenas falo bem do linux da mesma maneira que falo bem da minha marca de geladeira, da minha marca de televisor, dos meus alimentos favoritos isso tudo quando solicitado, claro. Enfim eu falo bem do que me agrada, se quiser me acompanhar fique à vontade, se não quiser pode ter certeza que não farei o mínimo esforço para que isso aconteça.

  • Alair Santos

    Como eu já disse no G+, defendo sim e hoje eu tenho uma visão mais amadurecida do que há alguns anos, há casos em que a gente ouve tanta “abobrinha” que a melhor opção é não dizer nada e deixar o cidadão já irremediavelmente convicto de suas asneiras falando com “as paredes”, num instante o mesmo perde a graça e até muda de assunto, eu não defendo no sentido de “bater boca”, defendo falando dos prós e contras para pessoas que me perguntam sobre o assunto e exponho minha experiência como usuário.
    Eu não trato a plataforma com religião “receitando” linux para todas as situações e falando de linux a todo momento, pois quem assim o faz acaba fazendo o papel de chato e antipático, pra não fazer papel de alienado a gente tem quer ter o bom senso de falar no hora certa, ter uma visão mais ampla, ter consciência de que nem tudo que é bom para meu uso será bom para outra pessoa.
    Quando comecei a usar linux no meu dia-a-dia o fiz espontaneamente, não foi necessário que alguém me convencesse, da mesma maneira não procuro convencer ninguém a usar linux, apenas falo bem do linux da mesma maneira que falo bem da minha marca de geladeira, da minha marca de televisor, dos meus alimentos favoritos isso tudo quando solicitado, claro. Enfim eu falo bem do que me agrada, se quiser me acompanhar fique à vontade, se não quiser pode ter certeza que não farei o mínimo esforço para que isso aconteça.

  • luis fernando oliveira silva

    Não defendo, e acho desnecessário, afinal, eeu sei dos problemas que um usuário pode ter na migração… Até porque, a maioria das pessoas tem medo de mudanças…

    Pra falar a verdade, eu penso que defender o Linux, como sistema operacional que é, não faz muito sentido, a MS corrigiu muitos dos problemas tecnicos no Windows 7, e está fazendo mais disso no Windows 8, e eu sei muito bem que a maioria dos “linuxers” de plantão atacam esse sistema operacional, mesmo que sem argumentos.

    HOJE, usar Linux é uma questão de gosto, e não passa disso, eu gosto e uso :D

  • luis fernando oliveira silva

    Não defendo, e acho desnecessário, afinal, eeu sei dos problemas que um usuário pode ter na migração… Até porque, a maioria das pessoas tem medo de mudanças…

    Pra falar a verdade, eu penso que defender o Linux, como sistema operacional que é, não faz muito sentido, a MS corrigiu muitos dos problemas tecnicos no Windows 7, e está fazendo mais disso no Windows 8, e eu sei muito bem que a maioria dos “linuxers” de plantão atacam esse sistema operacional, mesmo que sem argumentos.

    HOJE, usar Linux é uma questão de gosto, e não passa disso, eu gosto e uso :D

  • luis fernando oliveira silva

    Não defendo, e acho desnecessário, afinal, eeu sei dos problemas que um usuário pode ter na migração… Até porque, a maioria das pessoas tem medo de mudanças…

    Pra falar a verdade, eu penso que defender o Linux, como sistema operacional que é, não faz muito sentido, a MS corrigiu muitos dos problemas tecnicos no Windows 7, e está fazendo mais disso no Windows 8, e eu sei muito bem que a maioria dos “linuxers” de plantão atacam esse sistema operacional, mesmo que sem argumentos.

    HOJE, usar Linux é uma questão de gosto, e não passa disso, eu gosto e uso :D

  • Pereirão

    Por várias vezes incorporei o Dr. Stallman na defesa do Linux. Evito comparações de funcionalidades com os sistemas proprietários. Procuro manter a discussão no que é, na minha opinião, a maior vantagem do Pinguim: LIBERDADE. Eu gosto de ter o direito de fazer o que bem entender com MEU computador.

  • Pereirão

    Por várias vezes incorporei o Dr. Stallman na defesa do Linux. Evito comparações de funcionalidades com os sistemas proprietários. Procuro manter a discussão no que é, na minha opinião, a maior vantagem do Pinguim: LIBERDADE. Eu gosto de ter o direito de fazer o que bem entender com MEU computador.

  • Pereirão

    Por várias vezes incorporei o Dr. Stallman na defesa do Linux. Evito comparações de funcionalidades com os sistemas proprietários. Procuro manter a discussão no que é, na minha opinião, a maior vantagem do Pinguim: LIBERDADE. Eu gosto de ter o direito de fazer o que bem entender com MEU computador.

  • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

    Sou desenvolvedor linux, mas uso Mac OS como Sistema Operacional pessoal. No dia a dia e quando posso dou preferencia ao Mac OS, mas na hora de desenvolver minha opção é o Linux. Acredito que não vale a pena discutir sistema operacional, para cada tipo de necessidade existe um sistema operacional esperando para ser usado.

  • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

    Sou desenvolvedor linux, mas uso Mac OS como Sistema Operacional pessoal. No dia a dia e quando posso dou preferencia ao Mac OS, mas na hora de desenvolver minha opção é o Linux. Acredito que não vale a pena discutir sistema operacional, para cada tipo de necessidade existe um sistema operacional esperando para ser usado.

  • http://twitter.com/alexsfagundes Alex Sandro Fagundes

    Sou desenvolvedor linux, mas uso Mac OS como Sistema Operacional pessoal. No dia a dia e quando posso dou preferencia ao Mac OS, mas na hora de desenvolver minha opção é o Linux. Acredito que não vale a pena discutir sistema operacional, para cada tipo de necessidade existe um sistema operacional esperando para ser usado.

  • Tardochi

    Problema é defeder o linux de problemas e soluções M$ e nem chaga apenas no linux… Aqui no meu trampo vivem dizendo que o LIbreOffice é uma porcaria pois não abre uma planilha feita no M$Offic BETA com Macros, macros que rodam apenas na versão específica, e não querem nem saber. Na verdade sabem, mas se fazem de cegos surdos e mudos.
    Eu não caço briga ela apenas chega a mim, como sempre estou falando de Software Livre, acabo sendo alvo de críticas do sistema.
    É bizzaro; mas fazer o que? não vou simplismente abaixar a cabeça e ir pra casa =P, ainda mais quando existe um problema, criado por uma empresa, onde essa mesma empresa cria uma solução para o problema que ela gerou, e usuário acha isso o máximo. É como o pedreiro chegar na sua casa dizer que ela tá toda zuada porque as paredes foi levantada errada, mas foi ELE que ergueu as paredes e quer te cobrar outra bagatela pra arrumar (entortar mais).
    Eu finalizo discussão usando o argumento. Mac é uma empresa inovadora na matéria de desenvolvimento de produto. Microsoft é uma epresa de Marketing, se vender banana desse dinheiro igual vender software… ela estava vendendo banana.

    Abrçaos

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Comigo é igualzinho… só que eu já estou pulando fora pra trabalhar com quem atua com Linux.

  • Tardochi

    Problema é defeder o linux de problemas e soluções M$ e nem chaga apenas no linux… Aqui no meu trampo vivem dizendo que o LIbreOffice é uma porcaria pois não abre uma planilha feita no M$Offic BETA com Macros, macros que rodam apenas na versão específica, e não querem nem saber. Na verdade sabem, mas se fazem de cegos surdos e mudos.
    Eu não caço briga ela apenas chega a mim, como sempre estou falando de Software Livre, acabo sendo alvo de críticas do sistema.
    É bizzaro; mas fazer o que? não vou simplismente abaixar a cabeça e ir pra casa =P, ainda mais quando existe um problema, criado por uma empresa, onde essa mesma empresa cria uma solução para o problema que ela gerou, e usuário acha isso o máximo. É como o pedreiro chegar na sua casa dizer que ela tá toda zuada porque as paredes foi levantada errada, mas foi ELE que ergueu as paredes e quer te cobrar outra bagatela pra arrumar (entortar mais).
    Eu finalizo discussão usando o argumento. Mac é uma empresa inovadora na matéria de desenvolvimento de produto. Microsoft é uma epresa de Marketing, se vender banana desse dinheiro igual vender software… ela estava vendendo banana.

    Abrçaos

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Comigo é igualzinho… só que eu já estou pulando fora pra trabalhar com quem atua com Linux.

  • Tardochi

    Problema é defeder o linux de problemas e soluções M$ e nem chaga apenas no linux… Aqui no meu trampo vivem dizendo que o LIbreOffice é uma porcaria pois não abre uma planilha feita no M$Offic BETA com Macros, macros que rodam apenas na versão específica, e não querem nem saber. Na verdade sabem, mas se fazem de cegos surdos e mudos.
    Eu não caço briga ela apenas chega a mim, como sempre estou falando de Software Livre, acabo sendo alvo de críticas do sistema.
    É bizzaro; mas fazer o que? não vou simplismente abaixar a cabeça e ir pra casa =P, ainda mais quando existe um problema, criado por uma empresa, onde essa mesma empresa cria uma solução para o problema que ela gerou, e usuário acha isso o máximo. É como o pedreiro chegar na sua casa dizer que ela tá toda zuada porque as paredes foi levantada errada, mas foi ELE que ergueu as paredes e quer te cobrar outra bagatela pra arrumar (entortar mais).
    Eu finalizo discussão usando o argumento. Mac é uma empresa inovadora na matéria de desenvolvimento de produto. Microsoft é uma epresa de Marketing, se vender banana desse dinheiro igual vender software… ela estava vendendo banana.

    Abrçaos

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Comigo é igualzinho… só que eu já estou pulando fora pra trabalhar com quem atua com Linux.

  • http://twitter.com/KelvinArruda Kelvin Arruda

    Não vejo porque não usar o linux, me sinto bem na plataforma, não me deixa na mão em momento algum, algumas vezes sim a gente tem que recorrer a um tutorial, ou algo assim, mais o tanto que é bom aprender… no (R)windows e tudo igualzinho nunca muda, com linux não, defensor nativo do linux. Linux For Humans!

  • http://twitter.com/KelvinArruda Kelvin Arruda

    Não vejo porque não usar o linux, me sinto bem na plataforma, não me deixa na mão em momento algum, algumas vezes sim a gente tem que recorrer a um tutorial, ou algo assim, mais o tanto que é bom aprender… no (R)windows e tudo igualzinho nunca muda, com linux não, defensor nativo do linux. Linux For Humans!

  • http://twitter.com/KelvinArruda Kelvin Arruda

    Não vejo porque não usar o linux, me sinto bem na plataforma, não me deixa na mão em momento algum, algumas vezes sim a gente tem que recorrer a um tutorial, ou algo assim, mais o tanto que é bom aprender… no (R)windows e tudo igualzinho nunca muda, com linux não, defensor nativo do linux. Linux For Humans!

  • Rayffe Gomes da Silva

    rapaz, tava pensando isso antes de entrar no blog, realmente o mais foda, são pessoas que entendem do mundo windows,
    Dá um de sabe tudo em linux, sem ao menos ter testado um Live CD..
    nessa hora temos de ter calma, frieza, respeito e usar as melhores ferramentas pra defende nosso Pinguim
    Abraço

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Eu trabalho e conheço muito bem o mundo Windows, e realmente isso existe. Ou melhor, fulano usou uma vez em teste, não se habituou e caiu fora, dizendo depois que é ruim porque isso e porque aquilo.

      Já desisti de argumentar, mas ao meu ver, o maior problema não é o SO, mas o usuário.

      • Rayffe Gomes da Silva

        Concordo com a sua aplicação caro Eduardo. O problema não é o SO, mas o usuário.

  • Rayffe Gomes da Silva

    rapaz, tava pensando isso antes de entrar no blog, realmente o mais foda, são pessoas que entendem do mundo windows,
    Dá um de sabe tudo em linux, sem ao menos ter testado um Live CD..
    nessa hora temos de ter calma, frieza, respeito e usar as melhores ferramentas pra defende nosso Pinguim
    Abraço

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Eu trabalho e conheço muito bem o mundo Windows, e realmente isso existe. Ou melhor, fulano usou uma vez em teste, não se habituou e caiu fora, dizendo depois que é ruim porque isso e porque aquilo.

      Já desisti de argumentar, mas ao meu ver, o maior problema não é o SO, mas o usuário.

      • Rayffe Gomes da Silva

        Concordo com a sua aplicação caro Eduardo. O problema não é o SO, mas o usuário.

  • Rayffe Gomes da Silva

    rapaz, tava pensando isso antes de entrar no blog, realmente o mais foda, são pessoas que entendem do mundo windows,
    Dá um de sabe tudo em linux, sem ao menos ter testado um Live CD..
    nessa hora temos de ter calma, frieza, respeito e usar as melhores ferramentas pra defende nosso Pinguim
    Abraço

    • http://www.facebook.com/eduardohernacki Eduardo Hernacki

      Eu trabalho e conheço muito bem o mundo Windows, e realmente isso existe. Ou melhor, fulano usou uma vez em teste, não se habituou e caiu fora, dizendo depois que é ruim porque isso e porque aquilo.

      Já desisti de argumentar, mas ao meu ver, o maior problema não é o SO, mas o usuário.

      • Rayffe Gomes da Silva

        Concordo com a sua aplicação caro Eduardo. O problema não é o SO, mas o usuário.

  • Francilio

    Sou usuario de tecnologia sem preeconceito. No ambiente corporativo usamos win7 e xubuntu. Android no tablet e ubuntu no meu laptop. Gosto de liberdade e poder de escolha. Linux me da oportunidade …unity , gnome, kde… Libreoffice, koffice… mysql, postgresql… kmess, kopete, emesene, gtalk, skype… tudo disponivel, funcionando e principalmente…Sem pirataria. Liberdade liberdade abra asas sobre nos!

  • Francilio

    Sou usuario de tecnologia sem preeconceito. No ambiente corporativo usamos win7 e xubuntu. Android no tablet e ubuntu no meu laptop. Gosto de liberdade e poder de escolha. Linux me da oportunidade …unity , gnome, kde… Libreoffice, koffice… mysql, postgresql… kmess, kopete, emesene, gtalk, skype… tudo disponivel, funcionando e principalmente…Sem pirataria. Liberdade liberdade abra asas sobre nos!

  • Francilio

    Sou usuario de tecnologia sem preeconceito. No ambiente corporativo usamos win7 e xubuntu. Android no tablet e ubuntu no meu laptop. Gosto de liberdade e poder de escolha. Linux me da oportunidade …unity , gnome, kde… Libreoffice, koffice… mysql, postgresql… kmess, kopete, emesene, gtalk, skype… tudo disponivel, funcionando e principalmente…Sem pirataria. Liberdade liberdade abra asas sobre nos!

  • Ivan Brasil Fuzzer

    “Roubamos” a ideia do papo de buteco e demos este nome a um quadro do Opencast, vamos fazer este tipo de discussão em todos os episódios daqui para frente.

  • Ivan Brasil Fuzzer

    “Roubamos” a ideia do papo de buteco e demos este nome a um quadro do Opencast, vamos fazer este tipo de discussão em todos os episódios daqui para frente.

  • Ivan Brasil Fuzzer

    “Roubamos” a ideia do papo de buteco e demos este nome a um quadro do Opencast, vamos fazer este tipo de discussão em todos os episódios daqui para frente.

  • Livia

    Não sou programadora nem usuária avançada e não tenho o hábito de sair pregando a filosofia do software livre.
    Mas defendo quanto a alguns “mitos” amplamente difundidos, tais como “linux é difícil e precisa fazer tudo pelo terminal”, “linux é pra nerd e usuário avançado”, “linux é feio”, “linux é sistema de pobre”, etc.
    Geralmente, quando alguém pede pra mexer no meu computador por alguma raźão, ao ver a tela inicial do ubuntu solta um “nossa, o que é isso?”. Então explico que é ubuntu, e ouço todas as frases mencionadas acima. Aí costumo mostrar o próprio sistema, como ele é bonito, como instalo programas com um clique na central, que praticamente não uso o terminal, que ele é rápido e estável, que meus periféricos são reconhecidos automaticamente quando conecto o usb, etc.
    Acho que o próprio sistema se defende, só é preciso mostrá-lo.
    O mais engraçado é que geralmente as pessoas ficam encantadas, mas acabam dizendo “é legal, mas não é pra mim”. Aí não insisto, porque se a pessoa tem resistência, vai reclamar de tudo e pegar birra se for usar. Percebo que crianças tem mais abertura ao sistema, mais curiosidade… E se viram bem no unity.
    os usuários Mac são mais chatinhos, eles pensam “mas porque vc tem um pc se pode ter um mac”, “se vc usa linux por estabilidade e segurança, o mac também te dá isso e é melhor”. Pra esses usuários, falo que o Mac OS realmente é lindo, elegante, e rápido, mas o ubuntu também é, com a vantagm de que o ubuntu é aberto, então eu posso fazer o que eu quiser com o sistema, posso modificá-lo e adaptá-lo a minha vontade, enquanto o mac os é bastante fechado e preciso usá-lo da forma que a empresa permite apenas.

  • Livia

    Não sou programadora nem usuária avançada e não tenho o hábito de sair pregando a filosofia do software livre.
    Mas defendo quanto a alguns “mitos” amplamente difundidos, tais como “linux é difícil e precisa fazer tudo pelo terminal”, “linux é pra nerd e usuário avançado”, “linux é feio”, “linux é sistema de pobre”, etc.
    Geralmente, quando alguém pede pra mexer no meu computador por alguma raźão, ao ver a tela inicial do ubuntu solta um “nossa, o que é isso?”. Então explico que é ubuntu, e ouço todas as frases mencionadas acima. Aí costumo mostrar o próprio sistema, como ele é bonito, como instalo programas com um clique na central, que praticamente não uso o terminal, que ele é rápido e estável, que meus periféricos são reconhecidos automaticamente quando conecto o usb, etc.
    Acho que o próprio sistema se defende, só é preciso mostrá-lo.
    O mais engraçado é que geralmente as pessoas ficam encantadas, mas acabam dizendo “é legal, mas não é pra mim”. Aí não insisto, porque se a pessoa tem resistência, vai reclamar de tudo e pegar birra se for usar. Percebo que crianças tem mais abertura ao sistema, mais curiosidade… E se viram bem no unity.
    os usuários Mac são mais chatinhos, eles pensam “mas porque vc tem um pc se pode ter um mac”, “se vc usa linux por estabilidade e segurança, o mac também te dá isso e é melhor”. Pra esses usuários, falo que o Mac OS realmente é lindo, elegante, e rápido, mas o ubuntu também é, com a vantagm de que o ubuntu é aberto, então eu posso fazer o que eu quiser com o sistema, posso modificá-lo e adaptá-lo a minha vontade, enquanto o mac os é bastante fechado e preciso usá-lo da forma que a empresa permite apenas.

  • Livia

    Não sou programadora nem usuária avançada e não tenho o hábito de sair pregando a filosofia do software livre.
    Mas defendo quanto a alguns “mitos” amplamente difundidos, tais como “linux é difícil e precisa fazer tudo pelo terminal”, “linux é pra nerd e usuário avançado”, “linux é feio”, “linux é sistema de pobre”, etc.
    Geralmente, quando alguém pede pra mexer no meu computador por alguma raźão, ao ver a tela inicial do ubuntu solta um “nossa, o que é isso?”. Então explico que é ubuntu, e ouço todas as frases mencionadas acima. Aí costumo mostrar o próprio sistema, como ele é bonito, como instalo programas com um clique na central, que praticamente não uso o terminal, que ele é rápido e estável, que meus periféricos são reconhecidos automaticamente quando conecto o usb, etc.
    Acho que o próprio sistema se defende, só é preciso mostrá-lo.
    O mais engraçado é que geralmente as pessoas ficam encantadas, mas acabam dizendo “é legal, mas não é pra mim”. Aí não insisto, porque se a pessoa tem resistência, vai reclamar de tudo e pegar birra se for usar. Percebo que crianças tem mais abertura ao sistema, mais curiosidade… E se viram bem no unity.
    os usuários Mac são mais chatinhos, eles pensam “mas porque vc tem um pc se pode ter um mac”, “se vc usa linux por estabilidade e segurança, o mac também te dá isso e é melhor”. Pra esses usuários, falo que o Mac OS realmente é lindo, elegante, e rápido, mas o ubuntu também é, com a vantagm de que o ubuntu é aberto, então eu posso fazer o que eu quiser com o sistema, posso modificá-lo e adaptá-lo a minha vontade, enquanto o mac os é bastante fechado e preciso usá-lo da forma que a empresa permite apenas.

  • Josivan Souza

    Aquilo que os leigos não conhecem, tendem a esnobar e rejeitar, exemplo:

    A maioria prefere o IE a outro browser..
    Prefere o Nero a outro software de gravação…
    Prefere o Live Messenger a outro…( Amsn, Pidgin, Trillian, etc..)
    Mas tb tenho que admitir que não se compara em termo de facilidade o Photoshop com o Gimp, o certo é que se o pessoal tivesse conhecido o Linux no início, certamente hj estaria dizendo que Windows é sistema ruim, que trava, que pega vírus, que vem sem programa algum, que dá muito problema, etc…

  • Josivan Souza

    Aquilo que os leigos não conhecem, tendem a esnobar e rejeitar, exemplo:

    A maioria prefere o IE a outro browser..
    Prefere o Nero a outro software de gravação…
    Prefere o Live Messenger a outro…( Amsn, Pidgin, Trillian, etc..)
    Mas tb tenho que admitir que não se compara em termo de facilidade o Photoshop com o Gimp, o certo é que se o pessoal tivesse conhecido o Linux no início, certamente hj estaria dizendo que Windows é sistema ruim, que trava, que pega vírus, que vem sem programa algum, que dá muito problema, etc…

  • Josivan Souza

    Aquilo que os leigos não conhecem, tendem a esnobar e rejeitar, exemplo:

    A maioria prefere o IE a outro browser..
    Prefere o Nero a outro software de gravação…
    Prefere o Live Messenger a outro…( Amsn, Pidgin, Trillian, etc..)
    Mas tb tenho que admitir que não se compara em termo de facilidade o Photoshop com o Gimp, o certo é que se o pessoal tivesse conhecido o Linux no início, certamente hj estaria dizendo que Windows é sistema ruim, que trava, que pega vírus, que vem sem programa algum, que dá muito problema, etc…

  • http://www.facebook.com/viniciusvmc Vinícius Fernanda Arthur

    Eu defendo, mas como a Livia Comentou, entendo as necessidades de cada um, mas minha preferência para casa e trabalho é sem qualquer sombra de dúvida o Pinguim… Não sou desenvolvedor, sou administrador de rede, e vamos falar sério, minha vida seria bem mais facil com um park todo com o pinguinzinho….. hehehe o usuario ia poder clicar em qualquer porcaria que recebesse por e-mail hehehe….

  • http://www.facebook.com/viniciusvmc Vinícius Fernanda Arthur

    Eu defendo, mas como a Livia Comentou, entendo as necessidades de cada um, mas minha preferência para casa e trabalho é sem qualquer sombra de dúvida o Pinguim… Não sou desenvolvedor, sou administrador de rede, e vamos falar sério, minha vida seria bem mais facil com um park todo com o pinguinzinho….. hehehe o usuario ia poder clicar em qualquer porcaria que recebesse por e-mail hehehe….

  • http://www.facebook.com/viniciusvmc Vinícius Fernanda Arthur

    Eu defendo, mas como a Livia Comentou, entendo as necessidades de cada um, mas minha preferência para casa e trabalho é sem qualquer sombra de dúvida o Pinguim… Não sou desenvolvedor, sou administrador de rede, e vamos falar sério, minha vida seria bem mais facil com um park todo com o pinguinzinho….. hehehe o usuario ia poder clicar em qualquer porcaria que recebesse por e-mail hehehe….

  • Fabio Morgado

    Não ataco mas defendo, primeiro porque acredito no software livre e outro porque acho sim o Linux “Ubuntu” um SO excelente, muitas vezes sou atacado na faculdade porque estou desenvolvendo todo o meu TCC ultilizando somente software livre, Ubuntu. Mono Develop, DIa, Libre Office tudo, sofro chacotas mesmo e simplesmente defendo o sistema e todo o conceito e ideal trazido com ele.

  • Fabio Morgado

    Não ataco mas defendo, primeiro porque acredito no software livre e outro porque acho sim o Linux “Ubuntu” um SO excelente, muitas vezes sou atacado na faculdade porque estou desenvolvendo todo o meu TCC ultilizando somente software livre, Ubuntu. Mono Develop, DIa, Libre Office tudo, sofro chacotas mesmo e simplesmente defendo o sistema e todo o conceito e ideal trazido com ele.

  • Diogo

    pergunta…perdi muita coisa do site…porque tem apenas 2 videos papo de butéco disponíveis o #6 e o #7?

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Julian Fernandes

      @3a057292fd5499347436ac4d1eb03c5b:disqus O Papo de Buteco tornou-se um videocast a partir da quinta edição. Antes ele era uma discussão, mas sem vídeo.

  • Diogo

    pergunta…perdi muita coisa do site…porque tem apenas 2 videos papo de butéco disponíveis o #6 e o #7?

    • http://www.ubuntubrsc.com/ Julian Fernandes

      @3a057292fd5499347436ac4d1eb03c5b:disqus O Papo de Buteco tornou-se um videocast a partir da quinta edição. Antes ele era uma discussão, mas sem vídeo.

  • http://www.facebook.com/ivaldo.c.soares Ivaldo C. Soares

    Defendo O GNU/Linux pois adoto a filosofia do software livre. Vejo nesta filosofia como alternativa, não sentido pejorativo, mais sim uma vertente para de software de qualidade, robustez e principalmente segurança. O GNU/Linux como software livre permite ter um aprendizado e domínio completo que sistemas proprietários não permitem. É interessante sim discutirmos sobre o assunto, para solidificar os conceitos entorno do software livre.

  • http://www.facebook.com/ivaldo.c.soares Ivaldo C. Soares

    Defendo O GNU/Linux pois adoto a filosofia do software livre. Vejo nesta filosofia como alternativa, não sentido pejorativo, mais sim uma vertente para de software de qualidade, robustez e principalmente segurança. O GNU/Linux como software livre permite ter um aprendizado e domínio completo que sistemas proprietários não permitem. É interessante sim discutirmos sobre o assunto, para solidificar os conceitos entorno do software livre.

  • José Lopes

    Eu defendo, especialmente quando o assunto é a sua utilização como servidor web.
    Mas assim como o MacOS e o Windows, ele tem seus pontos fracos

  • João Mello

    “Defendo O GNU/Linux pois adoto a filosofia do software livre. Vejo nesta
    filosofia como alternativa, não sentido pejorativo, mais sim uma
    vertente para de software de qualidade, robustez e principalmente
    segurança. O GNU/Linux como software livre permite ter um aprendizado e
    domínio completo que sistemas proprietários não permitem. É interessante
    sim discutirmos sobre o assunto, para solidificar os conceitos entorno
    do software livre.”
    Ivaldo C. Soares

    Obtive um crescimento incrível depois que começei a trabalhar com Linux incluse em programação.

Assine!

Quer receber as novidades mais recentes do Ubuntu na sua caixa de entrada? Informe seu e-mail e clique em Assinar.

  • Assine o feed RSS
  • Siga o Ubuntu-BR-SC no Twitter
  • Curta o Ubuntu-BR-SC no Facebook
  • Ubuntu-BR-SC no Google+
  • Canal do Ubuntu-BR-SC no YouTube

Mais comentados da semana

Posts recomendados